Abrir menu principal

Alterações

70 bytes adicionados ,  19h29min de 1 de abril de 2013
m
 
== Taxonomia ==
Até 1983, todos os macacos-da-noite eram colocados dentro de ''Aotus lemurinus'' ou divididos entre ''A. lemurinus'' e ''A. azarae''. Uma distinção frequentemente utilizada entre os táxons do gênero ''Aotus'' é uma em que se considera oito espécies com uma distribuição mais ao norte, com "pescoço-cinza", e uma mais ao sul, com "percoço-vermelho".<ref name=msw3/> Alguns táxons, considerados como subespécies de ''[[Aotus lemurinus]]'' - ''[[Aotus brumbacki|brumbacki]]'', ''[[Aotus griseimembra|griseimembra]]'' e ''[[Aotus zonalis|zonalis]]'' – são consideradas espécies separadas atualmente,<ref name= Defler2001>{{cite journal | author = Defler, T.R., Bueno, M. L., & Hernández-Camacho, J. I. | year = 2001 | title = The taxonomic status of ''Aotus hershkovitzi'': Its relationship to ''Aotus lemurinus lemurinus'' | journal = Neotropical Primates | volume = 9 | issue = 2 | pages = 37–52}}</ref><ref name= Defler2007>{{cite journal | author = Defler, T. R., & Bueno, M. L. | year = 2007 | title = ''Aotus'' Diversity and the Species Problem | journal = Primate Conservation | volume = 2007 | issue = 22 | pages = 55–70|url=http://www.primate-sg.org/storage/PDF/PC22.jorgehernandezi.V2.pdf}}</ref> mas ''[[Aotus hershkovitzi|A. hershkovitzi]]'' é considerado uma táxon sinônimo de ''A. lemurinus''.<ref name= Defler2001/> Uma nova espécie foi recentemente descrita: ''[[Aotus jorgehernandezi|A. jorgehernandezi]]''. Como em muitas outras classificações no gênero, a espécie é considerada separada baseada em análises de [[cariótipo]].<ref>{{cite journal | author = Torres, O. M., Enciso, S., Ruiz, F., Silva, E., & Yunis, I. | year = 1998 | title = Chromosome diversity of the genus ''Aotus'' from Colombia | journal = American Journal of Primatology |volume = 44 | issue = 4 | pages = 255–275 | doi = 10.1002/(SICI)1098-2345(1998)44:4<255::AID-AJP2>3.0.CO;2-V | pmid = 9559066}}</ref><ref name= Defler2007/> Análises de [[cromossomo]]s têm servido para considerar o táxon ''infulatus'' como subespécie de ''[[Aotus azarae]]''.<ref>{{cite journal | author = Pieczarka, J. C., de Souza Barros, R. M., de Faria Jr, F. M., Nagamachi, C. Y. | year = 1993 | title = ''Aotus'' from the southwestern Amazon region is geographically and chromosomally intermediate between ''A. azarae boliviensis'' and ''A. infulatus'' | journal = Primates | volume = 34 | pages = 197–204 | doi = 10.1007/BF02381390 | issue = 2}}</ref>
 
===Espécies===