Diferenças entre edições de "Orfeu Negro"

33 bytes adicionados ,  23h26min de 27 de abril de 2013
m
sem resumo de edição
m (Protegeu "Orfeu Negro": Guerra de edições improdutiva ([Editar=Apenas usuários confirmados] (expira a 19h34min de 11 de abril de 2013 (UTC)) [Mover=Apenas usuários confirmados] (expira a 19h34min de 11 de abril de 2013 (UTC))))
m
'''''Orfeu Negro''''' ou '''''Orfeu do Carnaval'''''<ref>http://noticias.r7.com/rio-de-janeiro/noticias/a-espera-de-obama-chapeu-mangueira-e-babilonia-preparam-documentario-e-cartas-ao-presidente-20110316.html</ref> (na [[França]], '''''Orphée Noir'''''; na [[Itália]], '''''Orfeo Negro''''') é um [[filme]] [[Itália|ítalo]]-[[França|franco]]-[[brasil]]eiro de [[1959 no cinema|1959]], dirigido por [[Marcel Camus]] e com [[roteiro]] adaptado por Camus e [[Jacques Viot]] a partir da [[peça teatral]] ''[[Orfeu da Conceição]]'', de [[Vinícius de Moraes]].
 
A trilha sonora é de [[Tom Jobim]] e [[Luís Bonfá]]. Vinícius e [[Antônio Maria de Araújo Morais|Antônio Maria]] também tiveram músicas incluídas, mas, assim como [[Agostinho dos Santos]], que interpretou a música-tema de Orfeu, "[[Manhã de Carnaval]]", não receberam os créditos. O filme teve outra versão em [[1999]], sob o nome ''[[Orfeu (filme)|Orfeu]]'', dirigida por [[Cacá Diegues]].
 
É, à data, o único filme brasileiro a ter ganho o [[Oscar de melhor filme estrangeiro]], em 1960,<ref>[http://www.gazetadopovo.com.br/edicao30mil/conteudo.phtml?tl=1&id=1209995&tit=Milagre-da-vila Milagre da vila]. ''[[Gazeta do Povo]]'', edição comemorativa de n° 30.000. Página acessada em 8 de dezembro de 2012</ref> apesar da [[Academia de Artes e Ciências Cinematográficas|Academia]] reconhecer o filme como francês.<ref>{{citar web|url=http://www.oscars.org/awards/academyawards/legacy/ceremony/32nd-winners.html|título=The 32nd Academy Awards (1960) Nominees and Winners|publicado=Oscar.org|acessodata=18 de fevereiro de 2013|língua=inglês}}</ref>