Diferenças entre edições de "Girolamo Riario"

18 bytes adicionados ,  16h01min de 4 de maio de 2013
sem resumo de edição
m (A migrar 1 interwikis, agora providenciados por Wikidata em d:q60127)
'''Girolamo Riario''' ([[1443]] - [[14 de Abril]], [[1488]]) foi [[lorde]] de [[Imola]] e [[Forlì]] no [[século XV]].
 
== BIOGRAFIABiografia ==
Filho de [[Paolo Riario]] e [[Bianca della Rovere]], e sobrinho do [[Papa [[Sisto IV]], nasceu em [[Savona]]. Do Pontíficepontífice recebeu como dote de seu casamento, que se realizaria em [[1477]] com [[Catarina Sforza]], a Senhoria de [[Imola]](1473). Já o controle de [[Forli]], lhe foi dado após expulsar a [[família Ordelaffi]] daquele ducado (1477).
 
Filho de [[Paolo Riario]] e [[Bianca della Rovere]] e sobrinho do Papa [[Sisto IV]], nasceu em [[Savona]]. Do Pontífice recebeu como dote de seu casamento, que se realizaria em 1477 com [[Catarina Sforza]], a Senhoria de [[Imola]](1473). Já o controle de [[Forli]], lhe foi dado após expulsar a [[família Ordelaffi]] daquele ducado (1477).
Conspirador, sempre instigado pela esposa, participou da tentativa de assassinato de [[Lourenço de Médici]], que resultou na morte de Giuliano, irmão do mecenas de Florença, durante a [[Conspiração dos Pazzi]] (1478).
Em 1484, com a morte do papa Sisto IV, ele, na condição de capitão-general da Igreja, tomou de assalto o [[Castelo de Santo Ângelo]], numa manobra conjunta com a esposa Catarina a fim de forçar o [[Colégio dos Cardeais]] a eleger um Papa entre os membros da família[[ Sforza]] de Milão.
Em 14 de abril de 1488, Girolamo acabou vítima, a golpes de espada, de uma conspiração liderada por dois irmãos da [[família Orsi]] de [[Forli]] – Checco e Ludovico Orsi.
A esposa Catarina assumiu a regência do ducado em nome de [[Octaviano Riário]], primogênito do casal.
 
Conspirador, sempre instigado pela esposa, participou da tentativa de assassinato de [[Lourenço de Médici]], que resultou na morte de [[Giuliano de Médici]], irmão do mecenas de [[Florença]], durante a [[Conspiração dos Pazzi]] (1478).
 
Em [[1484]], com a morte do papaPapa Sisto IV, ele, na condição de [[capitão-generalgeral da Igreja]], tomou de assalto o [[Castelo de Santo Ângelo]], numa manobra conjunta com a esposa Catarina a fim de forçar o [[Colégio dos Cardeais]] a eleger um Papa entre os membros da família [[ Sforza]] de [[Milão]].
 
Em [[14 de abril]] de 1488, Girolamo acabou vítima, a golpes de espada, de uma conspiração liderada por dois irmãos da [[família [[Orsi]] de [[Forli]] – Checco e Ludovico Orsi.
A esposa Catarina assumiu a regência do ducado em nome de [[OctavianoOttaviano RiárioRiario]], primogênito do casal.
 
{{ref-section}}
*Hale, R.J. (1981). ''A Concise Encyclopaedia of the Italian Renaissance'' – Thames and Hudson Edition
 
{{DEFAULTSORT:Girolamo Riario}}
48 280

edições