Diferenças entre edições de "Joseph Gire"

1 046 bytes adicionados ,  12h36min de 27 de maio de 2013
sem resumo de edição
'''Joseph Gire''' ([[10 de janeiro]] de [[1872]] — [[5 de outubro]] de [[1933]]) foi um [[arquiteto]] [[francês]] de uma produtividade surpreendente, tendo construído numerosos prédios de importância histórica no [[Brasil]] e [[Argentina]], além de uma obra considerável na [[França]].
 
Mostrou-se foi particularmente ativo no [[Rio de Janeiro (cidade)|Rio de Janeiro]], onde construiu numerosos prédios e residências que se tornaram marcos da paisagem urbana carioca. Entre essas construções se encontram o ''[[Hotel Glória]]'' (1922), o ''[[Edifício A Noite]]'' (primeiro arranha-céu do Brasil com 22 pavimentos e maior estrutura de concreto armado do mundo na época) na [[Praça Mauá]] (1930, com Elisário Cunha Bahiana), o ''edifício da seguradora Sul América'' (Rua da Quitanda, 86), projeto de 1925, conjuntamente com R. Prentice, com acabamento Luís XVI,<ref>Guia da Arquitetura Eclética no Rio de Janeiro, pág. 43.</ref> o ''[[Copacabana Palace|Hotel Copacabana Palace]]'' (1923),<ref>{{cite web
|url=http://www.vitruvius.com.br/arquitextos/arq000/esp323.asp
|title=Arquitextos - Periódico mensal de textos de arquitetura
|first=
}}
</ref>, o ''[[Palácio Laranjeiras]]'' (1913, em parceria com Armando Silva Telles), e o ''PalácioEdifício Praia do Flamengo'' (1923, na Praia do Flamengo, 116), com "decoração Luís XVI e cobertura em mansardas renascentistas"<ref>Guia da Arquitetura Eclética no Rio de Janeiro, pág. 95.</ref> e o ''[[IlhaPalácio de Brocoió]]'' (1930)<ref>{{cite web
|url=http://www.governo.rj.gov.br/visita_virtual/brocoio/HistoricoBrocoio.htm
|title=Histórico Palácio Brocoió
}}
</ref>,
sendo que as quatrocinco últimas construções foram encomendas da família [[Guinle (família)|Guinle]].
 
Sua obra na [[Argentina]] (1909 a 1916) é notável pela qualidade, caráter monumental e institucional de numerosas construções e projetos, bem como quantidade de realizações. No Rio de Janeiro em particular, estabeleceu novos parâmetros construtivos, iniciando a verticalização da cidade no começo dos anos 20, e contribuiu para estabelecer padrões modernos de construção, como o concreto armado, na realidade urbana da capital federal brasileira da época. Após mais de dez anos de constantes deslocamentos entre França e Brasil, morreu em 1933 em seu castelo em [[Arbérats-Sillègue|Arbérats]], [[Pirineus Atlânticos]].
==Ver também==
* [[Edifício Joseph Gire]]
1 169

edições