Abrir menu principal

Alterações

1 byte removido, 08h45min de 3 de junho de 2013
sem resumo de edição
Juba II era filho de [[Juba I]], rei da [[Numídia]]. O seu pai apoiou [[Pompeu]] na guerra civil contra [[Júlio César]] tendo, aquando da derrota de [[Batalha de Tapso|Thapso]], em [[46 a.C.]], preferido o suicídio a ser feito prisioneiro. O jovem Juba, teria então cerca de 6 anos, foi capturado e exibido no triunfo que Júlio César organizou em [[Roma]].
 
Educado no seio da família imperial romana, adoptou os costumes e cultura latinos, sendo proficiente em latim e grego. Acompanhou [[OctavianoOtaviano]] (futuro imperador [[Augusto]]) em algumas das suas campanhas, demonstrando grande coragem e capacidade de liderança.
 
Amigo do imperador, no ano 25 a. C, foi instalado pelos romanos como rei da Numídia, sucedendo a seu pai. No ano 20 a.C., o imperador deu-lhe como esposa [[Cleópatra Selene II]], filha dos célebres [[Marco António]] e [[Cleópatra]], trazendo como dote o título de rainha da Mauritânia (isto é da parte ocidental do litoral norte-africano). O casal estabeleceu a sua capital em Iol, rebaptizando a cidade com o nome de Cesareia (''Caeserea''), naquela que é hoje a cidade de [[Cherchell]] no centro norte da [[Argélia]].