Arquivo de computador: diferenças entre revisões

73 bytes adicionados ,  3 de junho de 2013
sem resumo de edição
{{Variante-português|ficheiro|arquivo}}
 
Como descrito por [[Tanenbaum]], os {{PBPE|arquivos|ficheiros}} são um mecanismo de abstração.<ref>{{harvnb|Tanenbaum|2008|pp=446}}</ref> As unidades de armazenamento, por exemplo os discos rígidos, possuem detalhes complexos de implementação, o arquivo esconde estes detalhes para que o usuário possa manipular de maneira mais simples as informações. Um arquivo pode ser considerado como um [[objeto]], possuindo um nome que o identifica, atributos e valores. <ref>{{harvnb|Ferraz|2003|pp=4}}</ref>
 
Os arquivos podem conter dados estruturados ou não. Os arquivos não estruturados possuem uma sequência de bytes, já os estruturados podem vir organizados em registros ou em árvores[[árvore (estrutura de dados)]]. <ref>{{harvnb|Tanenbaum|2008|pp=448}}</ref> A implementação do sistema de arquivos, incluindo o [[formato de arquivo]], é de responsabilidade do sistema operacional, ou seja, cada arquivo depende da decisão do projetista do sistema operacional. Alguns sistemas operacionais como o [[UNIX]] não ligam para extensão do arquivo ou sua estrutura interna<ref>{{harvnb|Tanenbaum|2008|pp=448}}</ref>, simplesmente tratando cada arquivo como uma sequência de bytes não estruturados, deixando a responsabilidade de interpretar seu significado ao programa que o abriu.
 
 
3

edições