Diferenças entre edições de "Billie Holiday"

85 bytes removidos ,  22h26min de 18 de junho de 2013
m
== Morte ==
No início de 1959, FériasBillie soube que tinha cirrose hepática . O médico disse-lhe para parar de beber, o que ela fez por umpouco tempo curto, mas logo voltou a beber pesado. [ 87 ] Em maio, ela havia perdido 20quase £dez quilos. AmigosSeus amigos Leonard Feather , Joe Glaser, e Allan Morrison tentoutentaram levá-la para verificar em um hospital, mas ela colocádescartou-los foraos. [ 88 ]
 
Em 31 de maio de 1959, feriadoBillie foi levadolevada para o Hospital Metropolitano, deem Nova York, quecom sofreproblemas de fígadohepáticos e doençascardíacos. cardíacasRecebeu .voz Elade foi presaprisão por posse de drogas, enquanto ela estava no hospital, morrendo, esendo seu quarto de hospital foi invadido pelas autoridades. [Policiais 82 ] Os oficiaisficaram de polícia estavam estacionadasguarda na porta de seu quarto. FériasBillie Holiday permaneceu sob a guarda da polícia no hospital, até que ela morreu de edema pulmonar e insuficiência cardíaca causada por cirrose hepática, em 17 de julho de 1959. Nos últimos anos de sua vida, ela havia sido progressivamente enganado fora de seus ganhos, e ela morreu com US $ 0,70 no banco e US $ 750 (uma taxa tablóide) sobre sua pessoa. Seu funeral foi realizado na Igreja de São Paulo Apóstolo , em Nova York.
Gilbert Millstein do The New York Times , que tinha sido o narrador em 1956 no Carnegie Hall shows de Billie Holiday e tinha, em parte, por escrito as notas da luva para o álbum The Holiday Billie Essencial (veja acima), descreveu a morte dela nessas mesmas notas da luva 1961-datados :
 
Billie Holiday morreu no Hospital Metropolitano, New York, em sexta-feira, 17 de julho, 1959, na cama em que ela havia sido preso por posse ilegal de narcóticos um pouco mais de um mês antes, quando ela estava mortalmente doente, na sala a partir do qual um guarda da polícia tinham sido removidos - por ordem judicial - apenas algumas horas antes de sua morte, que, como sua vida, foi desordenada e lamentável. Ela tinha sido belíssima, mas ela foi desperdiçada fisicamente para um pequeno, grotesca caricatura de si mesma. Os vermes de todo tipo de excesso - as drogas eram apenas um - tinha comido ela ... A probabilidade existe de que entre os últimos pensamentos desta sentimental mulher cínica, profano, generoso e muito talentoso de 44 foi a crença de que ela estava a ser acusado na manhã seguinte. Ela teria sido, eventualmente, embora talvez não tão rapidamente. Em qualquer caso, ela retirou-se, finalmente, da jurisdição de qualquer tribunal aqui abaixo.
Nos últimos anos de vida, havia sido progressivamente enganada nos seus ganhos e morreu com 70 centavos de dólar no banco e 750 dólares (pagos por um tablóide) por um artigo sobre sua pessoa. A cerimônia fúnebre foi realizado na Igreja de São Paulo Apóstolo, em Nova York.
 
Gilbert Millstein, dode The New York Times , que tinha sido o narrador em 1956 no Carnegie Halldos shows de Billie Holiday eno tinhaCarnegie Hall, em parte1956, pore escrito as notasparte da luvacontracapa para odo álbum TheO HolidayEssencial de Billie Essencial (veja acima)Holiday, descreveu a morte dela nessasna mesmascontracapa notasdo damesmo luvaálbum, 1961-datadosrelançado em 1961:
 
"Billie Holiday morreu no Hospital Metropolitano, Newem Nova York, emna sexta-feira, 17 de julho, de 1959, na cama em que ela havia sido preso por posse ilegal de narcóticos umpresa pouco mais de um mês antes, quando ela estava mortalmente doente, napor salaposse ailegal partirde donarcóticos; qualno umquarto guardade daonde políciaum tinhampolicial sidohavia se removidosretirado - por ordem judicial - apenas algumas horas antes de sua morte, que, como sua vida, foi desordenada e lamentável. Ela tinhaHavia sido belíssima, mas eladesgastou-se foifisicamente desperdiçadaa fisicamenteuma parareduzida um pequeno,e grotesca caricatura de si mesma. Os vermes de todotodos tipoos tipos de excesso - as drogas eram apenas um - tinha comido elatinham-na devorado... A probabilidade existe de que - entre os últimos pensamentos desta sentimental mulher cínica, profanosentimental, profana, generosogenerosa e muito talentosotalentosa de 44 foianos - estava a crença de que ela estava a serseria acusadoacusada na manhã seguinte. Ela teria sido, eventualmente, embora talvez não tão rapidamente. Em qualquer caso, ela retirou-se, finalmente, da jurisdição de qualquer tribunal aqui abaixoterreno."
 
Encontra-se sepultada no ''Saint Raymonds Cemetery New'', [[Bronx]], [[Nova Iorque]] nos [[Estados Unidos]].<ref>{{findagrave|489}}</ref>
174

edições