Diferenças entre edições de "Fundação Perseu Abramo"

27 bytes removidos ,  02h43min de 11 de julho de 2013
sem resumo de edição
m (inclusão de referência à Fundação Wilson Pinheiro)
A '''Fundação Perseu Abramo (FPA)''' é umaum [[fundaçãothink (instituição)|fundaçãotank]] [[brasil]]eira, criadacriado em [[5 de maio]] de [[1996]] pelo [[Partido dos Trabalhadores]] (PT) para desenvolver projetos de caráter político-cultural. NomeadoNomeada em homenagem ao jornalista [[Perseu Abramo]], a [[fundação (instituição)|fundação]] se auto-defineautodefine como um espaço para o desenvolvimento de atividades de reflexão político-ideológica, estudos e pesquisas, destacando a pluralidade de opiniões. Pode ser considerado um dos poucos [[think tank]]s da política brasileira. A FPA substituiu uma fundação de apoio partidário anteriormente existente no PT, a [[Fundação Wilson Pinheiro]], criada em [[1981]] e extinta em [[1990]].
 
==História==
A Fundação Perseu Abramo foi instituída pelo Partido dos Trabalhadores por decisão do seu Diretório Nacional no dia 5 de maio de 1996.<ref name="FPA">[http://www.fpabramo.org.br/node/5341 Fundação Perseu Abramo - Um pequeno histórico]</ref> Tal decisão abriu o caminho para a concretização de uma antiga aspiração do PT, que era a de constituir um espaço, fora das instâncias partidárias, para o desenvolvimento de atividades comoda reflexão político-ideológica, a promoção de debates, estudos e pesquisas, com pluralidade de opiniões e isenção de idéias pré-concebidas que, dificilmente,fora podem ser encontradas nosdos embates do dia-a-dia dode um [[partido político]].<ref name="FPA" /> Uma experiência de criação de instituição de tal natureza já havia sido tentada: a da Fundação Wilson Pinheiro, que funcionou durante algum tempo, sustentada por alguns intelectuais e dirigentes do Partido, mas acabou se esgotando por várias razões, inclusive a dafalta instabilidadede um fluxo regular de recursos financeiros .<ref name="FPA" />
 
Apesar de que a Fundação Wilson Pinheiro logoter deixoudeixado de existir, a idéia que a inspirou nunca morreu dentro do partido, tornando-se tornando uma firme convicção do Diretório Nacional.<ref name="FPA" /> A viabilidade do projeto recebeu um grande reforço com a garantia de uma base financeira permanente, proporcionada pela criação do Fundo Partidário.<ref name="FPA" /> Esse fundo foi instituído pelo artigo 38 da lei 9.096 de 19 de setembro de 1995<ref>[http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/l9096.htm Lei 9.096 de 19 de setembro de 1995]</ref>; a mesma lei dispôs, também, no inciso IV do seu art. 44, que, da verba atribuída aos partidos, no mínimo 20% fossefossem aplicadoaplicados "na criação e manutenção de instituto ou fundação de pesquisa e de doutrinação e educação política".<ref name="FPA" />
 
Nesse momento, [[Perseu Abramo]], que havia assumido as funções de secretário nacional de formação política do PT, começou a desenvolver estudos para estabelecer o futuro instituto ou fundação, fazendo consultas sobre as vantagens e desvantagens de cada um desses modelos, elaborando alguns documentos básicos sobre o tema, chegando, até mesmo, a formular um pré-projeto do que poderiam ser as linhas de trabalho da instituição.<ref name="FPA" /> Perseu dedicou grande parte de seu esforço, nos últimos meses de sua vida, a esse trabalho.<ref name="FPA" />
{{Sem interwiki|data=março de 2010}}
 
[[Categoria:OrganizaçõesThink não governamentaistanks]]
[[Categoria:Partido dos Trabalhadores]]