Diferenças entre edições de "Lubrificação"

809 bytes adicionados ,  19h37min de 13 de julho de 2013
m (A migrar 13 interwikis, agora providenciados por Wikidata em d:q1455803)
 
===Lubrificação marginal ===
É a forma mais extrema de lubrificação. Isto acontece quando a espessura do filme de fluido lubrificante entre as superfícies deslizantes é menor que a rugosidade combinada das duas superfícies. Neste caso existe contato metal/metal e a força de sustentação da carga é suportada pelo contato entre as asperezas lubrificadas. Neste caso não existe pressão hidrodinâmica, mas sim pressão devido ao contato entre as asperezas das duas superfícies. Neste casoregime ao equaçãocomportamento deda Reynoldsjunta lubrificada não é válidacompletamente governado pela equação de Reynolds e deveaplica-se usaros modelos matemáticosconceitos de mecânicacontato domecânico contatoas interações entre as asperezas. Este tipo de regime de lubrificação acontece devido a dois motivos: Carga excessiva ou uma baixa velocidade relativa entre as superfícies. Geralmente causa danos às superfícies e falha prematura da peça em questão.<ref>Duarte Junior, D. (2005). '''Tribologia, Lubrificação e Mancais de Deslizamento'''</ref>
 
===Lubrificação Elastohidrodinâmica ===
Para o contato entre corpos não conformes ou altas pressões de contato o filme hidrodinâmico não suporta todo o carregamento da junta lubrificada. Os corpos em contato deformam-se dentro da zona elástica, como em contato Hertziano, e a carga é parcialmente suportada também pela material. Nestas condições, a viscosidade do fluido tende a aumentar significativamente. A condição de lubrificação elastohidrodinâmica pode gerar a separação completa entre as superfícies, provendo filmes de espessura entre 0.025 e 1.25 μm, entretanto é muitas vezes relacionada com uma condição de lubrificação mista, onde existe contato entre parte das asperesas. <ref> Bhushan, B. (2000). "Modern Tribology Handbook" </ref> <ref> Hamrock, B., ''et al.'' (2004). "Fundamentals of Fluid Film Lubrication" </ref>
 
O mecanismo de lubrificação EHD é normalmente encontrado em sistemas mecânicos sujeitos a maiores esforços e maiores velocidades, como mancais de rolamento, engrenagens, mecanismos came-seguidor, CVTs toroidais, entre outros. <ref> Norton, R. (2010). "Projeto de Máquinas" </ref>
 
=== Lubrificação mista ===
É comum classificar os modos de lubrificação como marginal ou hidrodinâmico. Porém, é sabido que uma considerável proporção de mancais pode trabalhar com uma mistura de ambos os mecanismos ao mesmo tempo. Um mancal hidrodinâmico pode ter algumas regiões de suas superfícies de deslizamento muito próximas, onde interações superficiais e lubrificação marginal contribuem para o atrito total do mancal e as características de desgaste das mesmas são superpostas às das regiões de lubrificação hidrodinâmica. Este modo de lubrificação é encontrado em engrenagens, mancal de esferas (rolamento), retentores e até mesmo em mancais de deslizamento convencionais. Hoje é reconhecido que é difícil eliminar os efeitos da lubrificação hidrodinâmica em experimentos com lubrificação marginal e efeitos 'marginais' ocorrem em experimentos de lubrificação hidrodinâmica mais frequentemente do que é geralmente reconhecido. Isto indica a importância crescente do reconhecimento e estudo do regime de lubrificação mista. Este regime de lubrificação acontece quando a espessura do filme lubrificante é entre uma e três vezes maior que a rugosidade combinada das duas superfícies. Neste caso parte da peça (mancal) opera no regime hidrodinâmico e parte no regime marginal. Outro termo usado com frequência na literatura é a "Lubrificação Elasto Hidrodinâmica" (ou EHL em inglês). Na realidade isto não é um regime de lubrificação e sim um modelamento matemático usado para representar o comportamento de uma peça (ou mancal) que leva em consideração a deformação do alojamento quando as pressões são excessivamente altas e/ou o alojamento da peça (mancal) muito flexível.<ref>Duarte Junior, D. (2005). '''Tribologia, Lubrificação e Mancais de Deslizamento'''</ref>
 
== {{Ver também}} ==
2

edições