Abrir menu principal

Alterações

244 bytes adicionados ,  09h50min de 24 de julho de 2013
m
+correções automáticas (v0.36/3.1.33)
O projeto '''Jogo Justo''' foi uma iniciativa que buscava diminuir a [[imposto|carga tributária]] nos [[jogos eletrônicos]] importados vendidos no [[Brasil]]<ref name="Conheça o projeto Jogo Justo e apoie essa ideia">{{citar web|url=http://www.gamegen.com.br/playstation3/conhea-projeto-jogo-justo-apoie-essa-ideia/|título=Conheça o projeto Jogo Justo e apoie essa ideia|língua=português|acessodata=31 de janeiro de 2011|data=16 de julho de 2010|publicado=GameGen}}</ref>, que chega aos 72,18%<ref name="Projeto Jogo Justo ganha força neste segundo semestre">{{citar web|url=http://www.qualquerinstante.com.br/noticia.php?c=6957|título=Projeto Jogo Justo ganha força neste segundo semestre|acessodata=31 de janeiro de 2011|língua=português|publicado=Qualquer Instante}}</ref>.
[[FicheiroImagem:Selo_JogoJusto.png|thumb|150px|rightdireita|Selo do projeto]]
 
== Objetivos ==
[[FicheiroImagem:Palestra_do_Moacyr_onde_foi_criado_o_Jogo_Justo.jpg|thumb|220px|leftesquerda|Palestra onde foi criado o projeto]]
 
A intenção inicial do projeto era mostrar, por meio de um relatório baseado em informações comerciais de desenvolvedores e lojistas, que o mercado de games nacional tem um enorme potencial. Como comparação, Moacyr gostava de traçar um paralelo com o mercado mexicano de jogos, o qual teria supostamente crescido 8 vezes após a diminuição da carga tributária. O projeto Jogo Justo visaria diminuir o preço dos games, dos [[Console de videogame|aparelhos de videogame]] e de seus periféricos, fazendo assim com que o consumidor final tivesse cada vez mais contato com os games, forma de cultura cada vez mais disseminada no mundo. Como consequência disto, o mercado nacional brasileiro iria se desenvolver, além da possibilidade de mais produtoras se instalarem no Brasil, gerando, de forma gradativa, mais empregos no setor. <ref name="Entrevista da Semana: Moacyr Alves (Jogo Justo)">{{citar web|url=http://colunistas.ig.com.br/gamerbr/2010/07/13/entrevista-da-semana-moacyr-alves-jogo-justo/|título=Entrevista da Semana: Moacyr Alves (Jogo Justo)|autor=Pablo Miyazawa|data=13 de julho de 2010|acessodata=31 de janeiro de 2010|língua=português|publicado=Gamer.br}}</ref>
 
== Histórico ==
[[FicheiroImagem:Moacyr abrindo a coletiva do Jogo Justo.jpg|thumb|250px|rightdireita|Moacyr abrindo a coletiva do Jogo Justo]]
Fundado por Moacyr Alves Jr. com apoio do deputado [[Luís Carlos Busato]], o Jogo Justo foi criado dentro de uma [[comunidade]] e independe de ordem política, empresarial e da geração de lucros. Começou a ganhar forma no segundo semestre de [[2010]] e no mês de novembro será apresentado à [[Receita Federal]]. Durante uma conversa em [[Brasília]], serão explanados os benefícios de se diminuir a carga tributária dos jogos vendidos no Brasil, onde os games passariam, em uma estimativa, de R$ 250,00 para R$ 99,00. Caso aprovado pela Receita.<ref name="Entrevista: Dep. Luiz Carlos Busato e o Projeto Jogo Justo">{{citar web|url=http://www.nintendoblast.com.br/2010/07/entrevista-dep-luiz-carlos-busato-e-o.html|título=Entrevista: Dep. Luiz Carlos Busato e o Projeto Jogo Justo|acessodata=31 de janeiro de 2011|língua=português|autor= Alveni Lisboa|data=30 de julho de 2010|publicado=NintendoBlast}}</ref>
 
 
== Apoio ==
Entre as empresas que apoiaram oficialmente o Jogo Justo estão grandes varejistas como a [[Walmart]]<ref>{{Citar web link|ptautor= |url=http://www.mundowalmart.com.br/jogojusto-menos-impostos-para-voce-jogar-mais/ |título=#JOGOJUSTO – Menos impostos, para você jogar mais |língua2=pt |obra= |data= |acessodata=}}</ref> e o [[Ponto Frio]]<ref>{{linkCitar web |ptautor= |url=http://www.pontogames.com.br/jogo-justo-pela-reducao-de-impostos-em-games/ |título=Jogo Justo, pela redução de impostos em Games |língua2=pt |obra= |data= |acessodata=}}</ref>, bem como desenvolvedoras, [[blog]]s, e outras organizações ligadas à indústria de videogames. Algumas produtoras internacionais também apoiaram o projeto,<ref>{{linkCitar web |ptautor= |url=http://www.jogojusto.com.br/category/apoios/ |título=Categoria: Apoios |língua2=pt |obra= |data= |acessodata=}}</ref> tais como:
 
* [[Konami]]
* [[THQ]]
* [[Activision]]
* [[Take Two Interactive Software]]
* [[Hudson Soft]]
* [[Nintendo]]
 
 
Cabe ainda ressaltar a propaganda das lojas nacionais de comércio de jogos, notadamente a UZ Games.
 
== Controvérsia ==
{{Sem-fontes|arte=sim|Brasil=sim|data=julho de 2013}}
Em uma entrevista concedida para alunos de Bacharelado em Audiovisual do Centro Universitário Senac, Moacyr declarou ser a favor de taxar serviços de internet como a [[Steam]] e a [[Origin]]. Isso contradiz o ideal do projeto, que previa jogos com o mínimo de impostos possível.
 
{{referências}}
 
== {{Ligações externas}} ==
* {{oficial|http://www.jogojusto.com.br}}
* [http://twitter.com/jogojusto Twitter do Jogo Justo]
* [http://maisdeoitomil.wordpress.com/2012/04/23/e-maravilhoso-conselheiro-plot-twist-da-politica-de-games/ Matéria do blog MaisdeOitoMil sobre o assunto]
* [http://www.kotaku.com.br/o-novo-alvo-da-acigames-e-o-steam/ Matéria do site Kotaku sobre a questão do Steam]
 
{{Jogos eletrônicos no Brasil}}
 
{{esboço-jogos eletrônicos}}
{{Portal3|Games}}
 
{{Jogos eletrônicos no Brasil}}
[[Categoria:Movimentos sociais]]
[[Categoria:Jogos eletrônicos no Brasil]]
9 751

edições