Abrir menu principal

Alterações

836 bytes removidos ,  04h58min de 3 de agosto de 2013
sem resumo de edição
|influenciados =
}}
<div align="justify">'''Apparício Fernando de Brinkerhoff Torelly''' ([[Rio Grande]], {{dtlink|lang=br|29|1|1895}} — [[Rio de Janeiro (cidade)|Rio de Janeiro]], {{dtlink|lang=br|27|11|1971}}), também conhecido por '''Apporelly''' e pelo falso título de nobreza de '''Barão de Itararé''', foi um [[jornalista]], [[Literatura|escritor]] e pioneiro no [[humor]]ismo político [[brasil]]eiro.<ref name="UFCG"/>
 
== Biografia ==
<div align="justify"> O nascimento de Apporelly é marcado por mistérios e disputas. Conta-se que teria nascido a bordo de uma [[Diligência (veículo)|diligência]], no [[Uruguai]], enquanto seus pais rumavam para uma fazenda da família materna. Admiradores de [[Rio Grande]] (RS), onde seus pais moravam, contestam esta versão. Entretanto, na matrícula de ensino escolar, Apporelly foi registrado como nascido no Uruguai, enquanto seu [[título de eleitor]] sustentava uma naturalidade gaúcha, mas sem descriminação de cidade.<ref>CLÁUDIO, Figueiredo. Entre Sem Bater: A vida de Apparício Torelly, o Barão de Itararé.</ref>
 
Sua mãe, Amélia, teve morte trágica, suicidou-se quando tinha 18 anos e ele 18 meses; seu pai enviou-o a um internato jesuíta em São Leopoldo (RS).<ref name=fspilus>{{citar web |url=http://www1.folha.uol.com.br/ilustrissima/1179690-a-manhosa-vida-do-patrono-do-humor-brasileiro.shtml |título=A manhosa vida do patrono do humor brasileiro |acessodata= 5 nov 2012|autor= Machado, Cassiano Ellek|coautores= |data= 4 de novembro de 2012 |formato= |obra= |publicado=Folha de São Paulo |páginas= |língua=pt |língua2= |língua3= |lang= |citação= }}</ref> Apparício Torelly iniciou-se no [[humorismo]] em 1908 no jornalzinho "Capim Seco", do colégio onde estudava, satirizando a disciplina dos padres [[jesuítas]] de [[São Leopoldo]].<ref name="UFCG">{{citar web |url=http://www.dec.ufcg.edu.br/biografias/ItarareB.html |título=Apparício Fernando de Brinkerhoff Torellyss, o Barão de Itararé |acessodata=27 de novembro de 2012 |autor= |coautores= |data= |ano= |mes= |formato= |obra= |publicado=UFCG |páginas= |língua= |língua2=pt |língua3= |lang= |citação= }}</ref>
 
 
== Bibliografia ==
* KONDER, Leandro. O Barão de Itararé" ''In''.: FERREIRA, Jorge, REIS FILHO, Daniel Aarão (org.) ''A formação das tradições (1889-1945)''. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2007. (AS esquerdas no Brasil, v. 1)</div align="justify">
* CLÁUDIO, Figueiredo. Entre Sem Bater: A vida de Apparício Torelly, o Barão de Itararé. Rio de Janeiro: Casa da Palavra, 2012. ISBN 978-85-7734-286-0
* KONDER, Leandro. O Barão de Itararé" ''In''.: FERREIRA, Jorge, REIS FILHO, Daniel Aarão (org.) ''A formação das tradições (1889-1945)''. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2007. (AS esquerdas no Brasil, v. 1)</div align="justify">
 
{{Portal3|Biografias|Literatura|Rio Grande do Sul}}
69 732

edições