Diferenças entre edições de "Transmissão continuamente variável"

486 bytes removidos ,  15h14min de 21 de outubro de 2013
 
É o tipo mais comum de CVT, com 2 polias: uma polia de entrada "condutora" variável e uma polia de saída "conduzida" também variável, ligadas por uma correia de metal ou borracha para alta potência.
Consiste na adoção de duas polias com diâmetro variável, as polias são ligadas entre si por uma correia ou por algum outro tipo de acionamento mecânico. A polia principal esta ligada ao motor pelo conversor de torque, já a polia secundaria esta ligada ao sistema diferencial. Conforme uma das polias diminui de diâmetro a outra polia aumenta de diâmetro alterando a velocidaderelação de rotaçãotransmissão dos eixos. A relação do diâmetro entre as polias e a variação da velocidade de rotação determina a força.Consiste na adoção de duas polias com diâmetro variável,as polias são ligadas entre si por uma correia ou por algum outro tipo de acionamento mecânico. A polia principal está ligada ao motor pelo conversor de torque. já a polia secundaria está ligada ao sistema diferencial.Conforme uma das polias diminui de diâmetro a outra polia aumenta de diâmetro alterando a velocidade de rotação dos eixos.A relação do diâmetro entre as polias e a variação de velocidade de rotação determina a força transmitida para as rodas e fazendo com que o motor sempre trabalhe na rotação mais próxima do ideal.<ref name="HSW" />
 
<gallery>
33 241

edições