Diferenças entre edições de "Economia da Somália"

1 byte removido ,  08h11min de 22 de outubro de 2013
m
Pequeno acerto
(atualização da tabela, com consulta ao "The World Factbook", no dia de hoje)
m (Pequeno acerto)
| Despesas = N/D
}}
Apesar da falta de um [[governo]] nacional, a [[Somália]] há mantido uma forte [[economia]] informal, baseada principalmente na [[pecuária]], na transferência e remessas de fundos, e nas [[telecomunicação]]s. A [[agricultura]] é o mais forte setor, e a pecuáriaapecuária representa 40% do [[Produto interno bruto|PIB]] e mais de 50% das exportações<ref name=CIA/>.
 
A maior parte da economia foi devastada na [[guerra civil]]. A agricultura é o setor mais importante, com a criação de [[gado]] respondendo por cerca de 40% do [[PIB]] e por cerca de 65% das exportações. Grande parte de sua população que vive da criação de gado é nômade ou seminômade. Além do gado, a [[banana]] é outro importante item de exportação. O [[açúcar]], o [[sorgo]], o [[milho]] e os [[peixe]]s são produtos para o mercado interno. A maior parte da economia se baseia à criação de [[camelos]], setor pecuário que o país possui o maior rebanho do mundo.