Diferenças entre edições de "Jardim Nova Esperança"

224 bytes removidos ,  19h48min de 29 de outubro de 2013
m
Reversão de uma ou mais edições de 201.86.138.171 para a versão 35839775 de Tiago Abreu (Especulações em teclado sem acentos.), (com Reversão e avisos).
m (Reversão de uma ou mais edições de 201.86.138.171 para a versão 35839775 de Tiago Abreu (Especulações em teclado sem acentos.), (com Reversão e avisos).)
| bairros limitrofes = [[Cândida de Morais]], [[Jardim Colorado]], [[Finsocial]], [[Marabá (Goiânia)|Marabá]], [[Capuava (Goiânia)|Capuava]]
}}
'''Jardim Nova Esperança'''<ref>{{citar web |url=http://www.cpvsp.org.br/upload/periodicos/pdf/PBOIVGO031981004.pdf |título=BOLETIM INFORMATIVO DA INVASÃO |acessodata=21 de maio de 2013 |publicado=CPVSP }}</ref> é um bairro localizado no município de [[Goiânia]], capital de [[Goiás]], na Região noroeste da cidade. A maior parte da população é de média e baixa renda. Sua história iniciou-se com a invasão de uma propriedade rural (Fazenda Caveiras), ocorrida em 1979.Nesse periodo foi bastante perseguido pelo poder publico municipal, teve suas ruas e loteamento demarcado por seus proprios moradores, que foram bastante apoiados pela Arquidiocese de Goiania, e pelos meios de comunicação.<ref>{{citar web |url=http://www.observatoriodasmetropoles.ufrj.br/download/arimoyses_tersegreg.pdf |título=A Produção de Territórios Segregados na Região Noroeste de Goiânia: uma leitura sócio-política |acessodata=6 de maio de 2012 |autor=Moysés, Aristides |formato=[[PDF]] |publicado=Observatório das Metrópoles }}</ref>
 
Em 2011 foi considerado o terceiro bairro mais violento de Goiânia, perdendo apenas para os jardins [[Jardim Guanabara (Goiânia)|Guanabara]] e [[Jardim Curitiba|Curitiba]].<ref>{{citar web |url=http://www.aredacao.com.br/noticia.php?noticias=5739 |título=Capital supera ano mais violento de sua história |acessodata=4 de maio de 2012 |publicado=A Redação }}</ref>