Diferenças entre edições de "Pedro Paulo Diniz"

112 bytes removidos ,  19h31min de 6 de novembro de 2013
m
rv spam e remoção de conteúdo referenciado
m
m (rv spam e remoção de conteúdo referenciado)
}}
 
'''Pedro Paulo Diniz''' ([[São Paulo (cidade)|São Paulo]], [[22 de maio]] de [[1970]]) é um ex-piloto [[brasil]]eiro de [[Fórmula 1]]. Correu pelas equipes [[Forti]], [[Arrows]] e [[Sauber]] até abandonar o automobilismo em [[2001]]. Todavia, não se afastou definitivamente da categoria, tornando-se sócio da escuderia Prost Grand Prix, criada pelo ex-piloto [[Alain Prost]], que posteriormente foi à falência<ref name="Prost">{{cite news| title =The Diniz Family buys into Prost| publisher =Grandprix.com| url =http://www.grandprix.com/ns/ns03225.html| date =2000-11-30| accessdate =2007-01-13}}</ref>.
'''Pedro Paulo Diniz''' ([[São Paulo (cidade)|São Paulo]], [[22 de maio]] de [[1970]]) é idealizador da [http://www.fazendadatoca.com.br/ Fazenda da Toca], propriedade rural especializada na produção de alimentos orgânicos que segue um modelo diversificado, integrado e autossustentável. Cerca de 50 famílias trabalham e moram na propriedade, localizada no município de Itirapina, em São Paulo. Os filhos dos trabalhadores estudam dentro da fazenda em uma escola construída pelo próprio Pedro e sua mulher, Tatiane Floresti. Os dois filhos do casal também são alunos da Toca.
 
Entretanto, não se afastou definitivamente da categoria, tornando-se sócio da escuderia Prost Grand Prix, criada pelo ex-piloto [[Alain Prost]]. Voltando ao Brasil, depois de morar anos na [[Europa]], em parceria com a [[Renault]], organizou o campeonato de [[Fórmula Renault]].
 
Atualmente é empresário e gerencia um hotel em [[Fernando de Noronha]]. Pedro Paulo também é filho do conhecido empresário [[Abílio Diniz]], dono da rede de supermercados [[Grupo Pão de Açúcar|Pão de Açúcar]]<ref name="Prost"/>.
No passado, Pedro, que é filho do empresário Abilio Diniz, se dedicou a [[Fórmula 1]]. Em 1995, seu primeiro ano na elite do automobilismo mundial, teve como melhor resultado o 7º lugar no GP da Austrália. Transferiu-se para a Ligier em 1996, equipe pela qual marcou seus primeiros pontos na categoria, com dois sextos lugares (Espanha e Itália). Depois, entre 1997 e 1998, guiou para a equipe inglesa Arrows. Disputou suas duas últimas temporadas, em 1999 e 2000, pela Sauber. Deixou as pistas em 2001.
 
Surgiu como promessa para o automobilismo brasileiro após a morte de [[Senna]] em [[1994]]. Seu primeiro Grande Prêmio disputado foi o GP do Brasil em [[1995]] pela equipe Forti.
 
Sua melhor temporada ocorreu em [[1998]]/[[1999]] quando conquistou o 14° lugar obtendo três pontos.
Entretanto, não se afastou definitivamente da categoria, tornando-se sócio da escuderia Prost Grand Prix, criada pelo ex-piloto [[Alain Prost]]. Voltando ao Brasil, depois de morar anos na [[Europa]], em parceria com a [[Renault]], organizou o campeonato de [[Fórmula Renault]].
 
== Referências ==
60 586

edições