Diferenças entre edições de "Bongô"

5 bytes adicionados ,  21h59min de 7 de novembro de 2013
bot: revertidas edições de 188.81.5.30 ( modificação suspeita : -17), para a edição 37079628 de Vitor Mazuco
(bot: revertidas edições de 188.81.5.30 ( modificação suspeita : -17), para a edição 37079628 de Vitor Mazuco)
[[Imagem:Bongo.jpg|thumb|right|300px|Um par de bongôs]]'''Bongô''' é um [[instrumento musical]] do tipo [[Hornbostel-Sachs#Membranofone|membranofone]], composto por dois pequenos [[tambor]]es unidos entre si.
 
Em geral abertos na extremidade oposta da pele e o corpo é geralmente [[cone|cônico]] e constituído de várias peças de madeira encaixadas e presas por um ou mais anéis metálicos, numa construção semelhante a um [[barril]]. Encontram-se também menos frequentemente, bongôs que são feitos de uma única peça de madeira escavada ou de meia seção de um coco ou cabaça.
 
Um dos tambores tem um diâmetro um pouco maior do que o outro. Embora não tenham [[altura (música)|altura]] definida, a tensão da pele pode ser ajustada para obter a faixa de alturas desejada. A diferença de tamanho faz com que um dos tambores seja mais grave do que o outro. O tambor maior e mais grave é chamado de ''hembra'' ([[fêmea]] em [[língua espanhola|espanhol]]) e o menor e mais agudo é o ''macho''. O macho tem em média um diâmetro de 6 a 6½" (15 a 16 [[cm]]), enquanto a hembra possui este valor em torno de 25 e 34" (cerca de 20 cm). A pele utilizada pode ser de gado, cabra ou mula. Em Cuba, é possível encontrar o uso de filmes de raio-X como pele para os Femêas. Antigamente, a pele era pregada ao casco. Hoje, o sistema de afinação é feito através de aros de metal e parafusos.