Diferenças entre edições de "Rio Grande do Norte"

189 bytes adicionados ,  02h49min de 12 de novembro de 2013
(Desfeita a edição 37279783 de Salebot)
Etiqueta: Possível conteúdo ofensivo
[[Imagem:CentroADMGovernoRN.jpg|thumb|Centro administrativo do Governo do Estado do Rio Grande do Norte (área verde).]]
 
O poder executivo do Rio Grande do Norte, sediado no Centro Administrativo do Estado, localizado na capital, é representado pelo [[governador]] do estado, auxiliado pelos seus secretários. O governador é eleito pela população para um mandato de quatro anos, podendo ser reeleito para mais um mandato.<ref name="Constituição estadual"/> A atual governadora do Rio Grande do Norte é, desde 1º de janeiro de 2011, a mossoroense [[Rosalba Ciarlini|Rosalba Ciarlini Rosado]], nodo [[Democratas (Brasil)|Democratas]] (DEM), eleita nas eleições de 2010 com 52,46% dos votos válidos.<ref>{{citar web|URL=http://www.rn.gov.br/o-governo/governadora/|título=Governadora|publicado=Governo do Rio Grande do Norte|acessodata=15 de julho de 2013}}</ref><ref>{{citar web|URL=http://g1.globo.com/especiais/eleicoes-2010/noticia/2010/10/rosalba-ciarlini-e-eleita-governadora-do-rio-grande-do-norte.html|título=Rosalba Ciarlini é eleita governadora do RN|data=4 de outubro de 2010|publicado=G1 São Paulo|acessodata=15 de julho de 2013}}</ref> O vice-governador, que é eleito juntamente com o governador e substitui este em caso de afastamento, licença ou renúncia, é [[Robinson Faria]], do [[Partido Social Democrático (2011)|Partido Social Democrático]] (PSD).<ref>{{citar web|URL=http://www.rn.gov.br/o-governo/vice-governador/|título=Vice-governador|publicado=Governo do Rio Grande do Norte|acessodata=15 de julho de 2013}}</ref>
 
[[Ficheiro:Rosalba ciarlini.JPG|esquerda|180px|thumb|[[Rosalba Ciarlini]] ([[DEM]]) é a atual governadora do Rio Grande do Norte e está em seu primeiro mandato (2011-2014).]]
 
O poder legislativo estadual, sediado no Palácio José Augusto, é [[Unicameralismo|unicameral]] e exercido pela [[Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte]], formada por 24 [[deputado estadual|deputados]] eleitos de forma direta para mandatos quadrienais.<ref name="Constituição estadual"/> Sua mesa diretora é formada por um presidente, dois vice-presidentes e quatro secretários.<ref>{{citar web|URL=http://www.al.rn.gov.br/site/mesadiretora.php|título=Mesa Diretora|publicado=Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte|acessodata=15 de julho de 2013}}</ref> No [[Congresso Nacional do Brasil|Congresso Nacional]], a representação potiguar é de três senadores e oito deputados federais;<ref>{{citar web|url=http://www.votebrasil.com/noticia/politica/numero-de-deputados-pode-aumentar-nas-proximas-eleicoes|titulo=Número de deputados pode aumentar nas próximas eleições|publicado=Vote Brasil|acessodata=22 de agosto de 2011|arquivourl=http://webcitation.org/5ysLlK0s4|arquivodata=15 de julho de 2013}}</ref> a partir de 2015, essa representação irá aumentar, passando para 27 deputados estaduais e nove deputados federais.<ref>{{citar web|URL=http://www.gazetadooeste.com.br/politica-rn-tera-nove-deputados-federais-e-27-estaduais-a-partir-de-2015-10331|título=RN terá nove deputados federais e 27 estaduais a partir de 2015|data=9 de abril de 2013|publicado=Gazeta do Oeste|acessodata=15 de julho de 2013}}</ref>
O poder judiciário do estado foi criado pela lei estadual nº 12, de 9 de junho de 1892, é formado pelo [[Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte]] (composto por quinze [[desembargador]]es), pelo Conselho de Justiça Militar, pelos tribunais de júri, juízes de direito, juizados especiais e juízes de paz.<ref name="Constituição estadual"/> É dirigido por um presidente, auxiliado pelo vice-presidente, além do corregedor de justiça e do ouvidor geral.<ref>{{citar web|URL=http://www.tjrn.jus.br/institucional/dirigentes-do-bienio-atualhttp://www.tjrn.jus.br/institucional/dirigentes-do-bienio-atual|título=Dirigentes|publicado=Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte|acessodata=15 de julho de 2013}}</ref> Representações deste poder estão espalhadas pelo território estadual por meio de unidades denominadas de ''[[comarca]]s''. Ao todo, [[Anexo:Lista de comarcas do Rio Grande do Norte|existem 65 comarcas no estado]], classificadas em três níveis: as de primeira (30), de segunda (25) e de terceira entrância (10).<ref>{{citar web|URL=http://ouvidoria.tjrn.jus.br/index.php?option=com_content&view=article&id=59&Itemid=65|título=Mapa das comarcas|publicado=Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte|acessodata=15 de julho de 2013}}</ref>
 
Tratando-se sobre [[Partido político|partidos políticos]], dos [[Anexo:Lista de partidos políticos no Brasil|trinta partidos existentes no Brasil]], apenas o [[Partido Ecológico Nacional]] (PEN) não possui representação no estado. De acordo com o [[Tribunal Superior Eleitoral]], baseado em dados de março de 2013, o partido político com maior número de filiados nano ParaíbaRio Grande do Norte é o [[Partido do Movimento Democrático Brasileiro]] (PMDB), com {{fmtn|39621}} membros filiados, seguido do [[Democratas (Brasil)|Democratas]] (DEM), com {{fmtn|26160}} membros e do [[Partido Progressista (Brasil)|Partido Progressista]] (PP), com {{fmtn|20052}} filiados. Completando a lista dos cinco maiores partidos políticos no estado, por número de membros, estão o [[Partido da Social Democracia Brasileira]], com {{fmtn|18063}} filiados, e o [[Partido da República]], com {{fmtn|17302}} filiações. Enquanto isso, o partido político que possuía a menor representatividade no estado é o [[Partido Ecológico Nacional]] (PEN), com apenas oito membros filiados.<ref>{{citar web|URL=http://www.tse.jus.br/eleicoes/estatisticas/filiados|título=Eleições / Estatísticas / Filiados|publicado=Tribunal Superior Eleitoral|acessodata=5 de junho de 2013}}</ref> Ainda de acordo com o Tribunal Superior Eleitoral, o estado do Rio Grande do Norte possuía, em dezembro de 2012, {{fmtn|2348303}} eleitores, o que representa 1,672% do eleitorado brasileiro.<ref>{{citar web|URL=http://www.tse.jus.br/eleicoes/estatisticas/quantitativo-do-eleitorado/consulta-quantitativo|título=Eleições / Estatísticas / Consulta Quantitativo|publicado=Tribunal Superior Eleitoral|acessodata=5 de junho de 2013}}</ref>
 
=== Símbolos estaduais ===
Utilizador anónimo