Diferenças entre edições de "Monarquia de Habsburgo"

298 bytes removidos ,  17h33min de 16 de novembro de 2013
OMG....
m (Bot: A migrar 35 interwikis, agora providenciados por Wikidata em d:Q153136)
(OMG....)
# Os '''[[Países Checos]]''' — inicialmente eram constituídos de quatro províncias: [[Boêmia]], [[Morávia]], [[Silésia]] e [[Lusácia]]. A Lusácia foi cedida à [[Saxônia]] em [[1620]], enquanto que a maior parte da Silésia foi conquistada pela [[Prússia]] em [[1740]]–[[1742]].
# O '''[[Reino da Hungria]]''' — antes de [[1699]], o Reino da Hungria, chamado '''Hungria Real''' naquele tempo, perdeu cerca de dois terços de seu território para o [[Império Otomano]] e seus vassalos, os Príncipes da [[Transilvânia]], enquanto que os Habsburgos ficaram restritos aos limites ocidental e norte do antigo reinado, mas depois daquela data quase que todo o antigo reinado retornou para o domínio austríaco, com o restante sendo conquistado em [[1718]]. O Reino da Hungria, em sua maior extensão, incluía a atual [[Hungria]] e a [[Eslováquia]], a maior parte da [[Croácia]], a [[Vojvodina]] no que é hoje a [[Sérvia]], [[Transilvânia]] no que é hoje a [[Romênia]] e a [[Rutênia subcarpática]], uma pequena região trans-[[Cárpatos]] na atual [[Ucrânia]]. Entre [[1718]] e [[1739]], vários outros territórios dos [[Bálcãs]], incluindo a área em torno de [[Belgrado]] e a parte ocidental da [[Valáquia]], foram também anexadas, mas foram perdidas a seguir na fracassada guerra contra a Turquia em [[1739]]. Muitas áreas fronteiriças ao Império Otomano separaram-se da administração húngara e formaram a [[Fronteira Militar]], que era governada diretamente por Viena.
# O '''[[HistóriaReino da Croácia#O Império (Habsburgo, Veneza e os Otomanos (1527-1918)|Reino da Croácia]]''' inicialmente era constituído de quatro regiões: [[História da Croácia#O Império Habsburgo, Veneza e os Otomanos (1527-1918)|Croácia]], [[Eslavônia]], [[Dalmácia]] e [[Província da Bósnia|Bósnia]]. O [[Parlamento da Croácia]] (''Sabor'') elegeu [[Fernando I de Habsburgo|Fernando I]], como Rei da [[Croácia]] em [[1 de janeiro]] de [[1527]]. O [[Croácia|Reino da Croácia]] permaneceu dentro da Monarquia de Habsburgo até que o Parlamento croata ([[''Sabor]]'') declarou sua independência em [[29 de outubro]] de [[1918]]. Depois do [[Terras da Coroa de Santo Estéfano|Compromisso Croata-Húngaro]] em [[1868]], o nome oficial para [[Croácia|Reino da Croácia]] foi O [[Reino Triunido da Croácia, -Eslavônia e Dalmácia]].
##A [[História da Croácia#O Império Habsburgo, Veneza e os Otomanos (1527-1918)|Croácia Central]]: No [[século XVI]], depois que a [[Eslavônia]] e a [[Província da Bósnia|Bósnia]] passaram para o domínio do [[Império Otomano]] e a [[Dalmácia]] para o da [[República de Veneza]], a Croácia Central era chamada de a ''Remanescente das remanescentes do que uma vez foi o grande Reino da Croácia'' (''[[latim]]: Reliquiæ reliquiarum olim inclyti Regni Croatiæ'').
##[[Eslavônia]]: No [[século XVI]] caiu em poder do [[Império Otomano]]; depois de libertada, retornou à administração civil da [[Croácia]] em [[1718]].
##[[Dalmácia]]: Entre [[1409]] e [[1420]], a [[República de Veneza]] ocupou a maior parte da [[Dalmácia]], que permaneceu sob o governo da República de Veneza até ela ser dissolvida em [[1797]]. Embora a Dalmácia tenha sido tomada pelo [[Império Austríaco]] em [[1815]], ele recusou-se a devolver a Dalmácia para a administração civil da Croácia, mesmo indo contra à vontade do Parlamento da Croácia.
##[[Província da Bósnia|Bósnia]]: Em [[1377]], o independente [[Reino da Bósnia]] separou-se do [[Reino da Croácia]] e ficou a ser governado por [[Tvrtko I da Bósnia]], mas foi conquistado pelo [[Império Otomano]] em [[1463]], enquanto que os reis croato–húngaros permaneceram reivindicando a [[Província da Bósnia|Bósnia]] (também chamada de Croácia turca) pelo [[Croácia|Reino da Croácia]]. A [[Província da Bósnia|Bósnia]] permaneceu sob o domínio [[Império Otomano|otomano]] até [[1878]], quando foi conquistada pela [[Áustria-Hungria]], mas nunca retornou à Croácia, apesar dos constantes pedidos do Parlamento da Croácia.
#*A [[Fronteira Militar]] da Croácia e da Eslavônia (''[[Vojna Krajina]]''), que foi uma zona temporária ao longo da fronteira com o [[Império Otomano]] formado no [[século XVI]] e administrado diretamente pelas autoridades militares da Monarquia de Habsburgo, não pelo [[''Sabor]]'' croata, nem pelo [[Banban (título)|ban]]. Ela retornou à administração civil da Croácia em [[1881]].
 
Ao longo do curso de sua história, outras terras estiveram, por vezes, sob o governo dos Habsburgos austríacos:
 
#Os [[Países Baixos do Sul]], consistiam da maior parte do território das atuais [[Bélgica]] e [[Luxemburgo]] ([[1713]]–[[1792]])
#O [[Ducado de Milão]], na [[Lombardia]] ([[1713]]–[[1797]])