Meia-vida: diferenças entre revisões

33 bytes adicionados ,  26 de novembro de 2013
sem resumo de edição
m (Revertidas edições por 188.83.59.21 para a última versão por Legobot, de 03h22min de 15 de março de 2013 (UTC))
No caso do [[carbono-14]] a meia-vida é de 5.730 anos, ou seja, este é o tempo necessário para uma determinada massa deste isótopo instável decair para a metade da sua massa, transformando-se em [[nitrogênio]]-14 pela emissão de uma partícula beta.
 
Esta medida da meia-vida é utilizada para a datação de [[fóssil|fósseis]]e elementos químicos radioativos.
 
Alguns elementos possuem meia-vida muito baixa, mesmo para os seus isótopos menos instáveis. Alguns elementos [[transurânico]]s (elementos com [[número atômico]] acima de 92) apresentam meias-vida de 1 segundo enquanto o [[urânio]]-238 apresenta meia-vida de aproximadamente 5.000.000.000 anos que é a idade calculada da [[Terra]].
Utilizador anónimo