Diferenças entre edições de "Estremadura (Espanha)"

4 bytes removidos ,  17h52min de 2 de dezembro de 2013
→‎Línguas: Na própria fala, diz-se ''a fala''; ''la'' só faz sentido se estivermos a escrever em espanhol
(→‎Línguas: Na própria fala, diz-se ''a fala''; ''la'' só faz sentido se estivermos a escrever em espanhol)
 
* [[Língua portuguesa|Português]], com várias variantes – o [[português oliventino]] na comarca de [[Olivença]], o de [[Herrera de Alcántara]], o de [[Cedillo]], o de algumas quintas de [[Valência de Alcântara]] e o de [[La Codosera]]. Na maioria destes locais o português está seriamente ameaçado. Algumas escolas oferecem o português como língua estrangeira, mas nem sempre a níveis que levem os alunos a dominar o idioma.
* [[Fala da ExtremaduraEstremadura]], fala de Xálima ou simplesmente ''laa fala'', uma língua com estreitos laços com o [[Língua galega|galego]] e o português, com influências [[Asturo-leonês|asturo-leonesas]], está catalogada como ''[[Bem de Interesse Cultural (Espanha)|Bem de Interesse Cultural]]'' e goza de protecção por parte da [[Junta da Extremadura]]. É falada no vale de [[Jálama]] (''Xálima'' enna ''la fala''), ou seja, em [[San Martín de Trevejo]], [[Eljas]] ye [[Valverde del Fresno]].
* [[ExtremenhoEstremenho]], faz parte, como o [[Língua mirandesa|mirandês]], do grupo [[asturo-leonês]]; é a língua mais falada a seguir ao castelhano. Apesar disso, de ser reconhecida por organismos internacionais e de estar em sério perigo de desaparecimento, é a que tem menor protecção,{{conteúdo parcial}} carecendo por completo de normalização ou da mínima cobertura em termos de ensino, quer privado quer público.{{conteúdo parcial}}
 
== Governo e administração ==
38

edições