Trácia (província romana): diferenças entre revisões

sem resumo de edição
 
== Anos finais ==
No início do século V, conforme ruía o Império Romano, a Trácia passou a ser governada por líderes [[germânicos]] independentes. Com a [[queda do Império Romano do Ocidente]], a região passou a ser um campo de batalha, uma situação que perdurou pelos próximos {{formatnum|1000}} anos. A porção oriental do império, conhecida como [[Império Bizantino]], manteve o controle da região até o século VIII, quando mais da metade da região, ao norte, foi incorporada pelo [[Primeiro Império Búlgaro|Império Búlgaro]] enquanto que a seção mais ao sul e leste foi reorganizada no [[Thema da Trácia]]. Os bizantinos conseguiram [[conquista bizantina da Bulgária|reconquistar ao Tráciaterritório perdido]] no século XI e passou a administráadministrou-la como um ''[[théma]]'' ([[Thema da Trácia]])o até a reconquista búlgara no final do século XII. Por todo o século seguinte e metade do século XIV, a região trocou de mãos por diversas vezes entre búlgaros e bizantinos.
 
Finalmente, em 1352, os [[turcos otomanos]] fizeram a sua primeira incursão na região, [[guerras otomanas nos Balcãs|subjugando-a completamente]] no espaço de duas décadas e ocupando-a pelos cinco séculos seguintes, encerrando definitivamente o domínio romano na região.
 
== Bibliografia ==
198 349

edições