Hino Português: diferenças entre revisões

703 bytes adicionados ,  15 de janeiro de 2014
Melhoria na definição e origem do objeto do artigo. Isenção.
(Melhoria na definição e origem do objeto do artigo. Isenção.)
[[Ficheiro:Lilypond-screenshot-adeste.png|thumb|386px|right|The start of ''Adeste Fideles''.]]
"'''Adeste Fideles'''" é o título de um hino cuja autoria é atribuía a vários compositores, entre eles [[João IV de Portugal]], João Francisco Wade e João Reading. Foram achados dois manuscritos desta obra, datados de [[1640]], no seu [[palácio de Vila Viçosa]], em Portugal. O fato de acharem um manuscrito nos aposentos de alguém não significa que ele seja de autoria do dono do local. Seria o mesmo que alguém disser ser o compositor de uma dada obra artística apenas porque há, em sua casa, um exemplar da obra. Isso serve de indício, mas não de prova. Até agora autoridades tugas não provaram a autenticidade do suposto compositor de Adeste Fideles, embora assim o queiram transparecer. Como fazem ainda hoje, Portugal pode muito bem ter importado partituras e músicos de outros países a fim de suprir a carência própria do país, que até hoje só tem um estilo musical: favo. E nada mais.
"'''Adeste Fideles'''" é o título do chamado '''Hino Português''' escrito pelo Rei D. [[João IV de Portugal]]. Foram achados dois manuscritos desta obra, datados de [[1640]], no seu [[palácio de Vila Viçosa]].
 
Muitos outros alegam a autoria desse hino, no entanto o autor mais divulgado, [[John F. Wade]], não pode ter escrito a obra, já que o seu manuscrito data de 1743. O mais provável é que Wade tenha traduzido o ''Hino Português'', como era chamado em [[Londres]] na época e ficado com os louros.
Utilizador anónimo