Abrir menu principal

Alterações

367 bytes adicionados ,  00h12min de 18 de janeiro de 2014
sem resumo de edição
|consagrado = [[1386]] ?
|elevado = [[31 de agosto]] de [[1398]]
|morto = [[Ficheiro:PortugueseFlag1385.svg|30px|link=Reino de Portugal]] [[Lisboa]], {{falecimento|25|3|1416|||1360}}<ref>da Cunha, pág. 222</ref>
|brasão = ArcbishopCoA PioM.svg
|lema = De Uno Pane
|ch =
}}
Dom '''Martinho Afonso Pires de Charneca''' ou '''Martinho Afonso Pires de Miranda''' ([[1360]] — [[Lisboa]], [[25 de Março]] de [[1416]]), foi um [[arcebispo]] [[Portugal|português]], Bispo de [[Diocese de Coimbra|Coimbra]] e arcebispo de [[Arquidiocese de Braga|Braga]]. Também teria sido bispo do [[Diocese do Porto|Porto]], segundo alguns genealogistas.
 
Era filho de [[Afonso Pires da Charneca]] com Dona Constança Esteves. Doutordoutor de leis pela [[Universidade de Bolonha]] em [[1382]], foi um dos principais conselheiros de Dom [[João I de Portugal]], acompanhando tão de perto que lhe chegaram a chamar "sombra del rei" e esteve ao seu lado na [[Batalha de Aljubarrota]]<ref name="Rio Maior 1950">*"A Casa dos Mirandas na Rua das Flores", de Marquês de Rio Maior, separata da Revista Municipal, Lisboa, 1950.</ref>. Igualmente terá sido seu embaixador em [[França]].
 
A 8 de Novembro de [[1384]] é uma das individualidades que está presente em Évora para homenagear os Mestre de Avis.
Igualmente esteve nas [[cortes de Coimbra de 1385]] na representação do braço do Povo<ref>[http://ler.letras.up.pt/uploads/ficheiros/2071.pdf Conselho Real ou Conselheiros do Rei? A Propósito dos Privados de D. João I, por Armando Luís de Carvalho Homem, Revista da faculdade de Letras, pág. 59]</ref>
 
Igualmente terá sido [[aio]] ou [[mordomo-mor]] de D. [[Duarte de Portugal|Duarte]].