Tudália IV: diferenças entre revisões

Sem alteração do tamanho ,  19 de janeiro de 2014
sem resumo de edição
Seu primeiro problema como governante foi debelar uma revolta em [[Arzawa]], que eclodira ainda no reinado de seu pai. Agindo energicamente, ele não somente sufocou a rebelião como impôs seu domínio sobre [[Milawata]], um dos poucos reinos da [[Anatólia]] que ainda resistiam ao império hitita.
 
Mas a maior ameaça aos hititas era, sem dúvida, a [[Assíria]]. Quando [[TukultiTuculti-Ninurta I]] tornou-se rei dos assírios, os dois impérios se chocaram na disputa pelas terras de [[Nihrita]], próximas à fronteira hitita. Na batalha travada nesse lugar, Tudhalia sofreu rotunda derrota que só não trouxe consequências mais desastrosas porque os assírios, em seguida, voltaram suas atenções para a [[Babilônia]].
 
Provavelmente aproveitando-se dessa derrota de Tudhalia, seu primo, Kurunta, liderou um golpe de estado e destronou o rei, em [[1228 a.C.]] A escassa documentação impede que tenhamos informações mais amplas sobre o golpe. Sabe-se, porém, que embora Tudhalia tenha recuperado o trono ainda naquele ano, Kurunta manteve a posse de [[Tarhuntassa]] durante todo o reinado de seu primo.