Abrir menu principal

Alterações

Sem alteração do tamanho, 05h54min de 4 de fevereiro de 2014
sem resumo de edição
Trata-se de uma população muito jovem, já que os mais velhos morreram nos primeiros contatos com os não índios, nos [[anos 1980]]. Muito de suas tradições foram esquecidas, embora ainda pratiquem a caça e a pesca com arco e flecha como seus antepassados.
Os primeiros contatos da FUNAI com os Uru-Eu-Wau-Wau foram conduzidos por [[Apoena Meireles]]. À época, a população era de mais de
800 índios, que eram essencialmente nômades. Sua quase extinção deveu-se à invasão de suas terras por não índios, que trouxeram consigo doenças como a [[malária]]. Houve também muitos assassinatos durante a invasão. Atualmente, a população se estabilizou e começa a se recuperar. Hoje possuem roças fartas para a alimentação e gozam de condições favoráveissanitárias demais saúdefavoráveis. <ref>
* [[Ministério do Desenvolvimento Agrário]]. Secretaria de Desenvolvimento Territorial. [http://sit.mda.gov.br/download/ptdrs/ptdrs_territorio029.pdf ''Território Central - Estado de Rondônia. ''Plano Territorial de Desenvolvimento Rural Sustentado'']. Outubro de 2007, p.36-37. </ref>
 
O povo [[Amondawa]], que também vive na Terra Indígena Uru-eu-uau-uau, antigamente andava com os Uru-Eu-Wau-Wau, mas houve desentendimentos, culminado na separação, e os Amondawa constituíram um outro grupo.
 
{{referências}}
==Ligações externas==
 
* [[Ministério do Desenvolvimento Agrário]]. Secretaria de Desenvolvimento Territorial. [http://sit.mda.gov.br/download/ptdrs/ptdrs_territorio029.pdf ''Território Central - Estado de Rondônia. ''Plano Territorial de Desenvolvimento Rural Sustentado''. Outubro de 2007.
* {{es}} Vídeo: [http://refletor.tal.tv/noticias/documentarios-documentales/el-contacto-con-indigenas-de-la-amazonia-brasilena El contacto con indígenas de la Amazonía brasileña]. Um encontro com os Uru Eu Uau Uau. Por Marc de Beaufort. 18 de maio de 2012.