Diferenças entre edições de "Casa Rosada"

1 107 bytes adicionados ,  21h07min de 9 de fevereiro de 2014
sem resumo de edição
| referências =
}}
A '''Casa Rosada''' é a sede da presidência da [[Argentina|República Argentina]], em [[Buenos Aires]], assim chamada pela cor aproximadamente [[rosa]]. Abriga também o Museu da Casa do Governo, com material relacionado aos [[Lista de presidentes da Argentina|presidentes do país]]. Localizada em [[Buenos Aires]], em frente à [[Praça de Maio]] (''Plaza de Mayo'') na Calle Balcarce 50, no distrito de Monserrat, liga a sede do Governo a outro importante marco histórico: a Praça do Congresso Nacional ([[Palácio do Congresso da Nação Argentina|Palácio do Congresso]]). Dessa localização na Praça de Maio é possível se observar o [[Obelisco de Buenos Aires|Obelisco]] da [[Avenida 9 de Julho (Buenos Aires)|Avenida 9 de Julho]] e a [[Catedral Metropolitana de Buenos Aires|Catedral Metropolitana]].A casaEm Rosada1942 temfoi suadeclarada corPatrimônio atribuídaHistórico ao fato de na época de sua construção as tintas mais baratas serem feitas a base de sangue de vaca, tendo a cor rosada. Há também uma lenda que diz que a cor rosada é uma junção de vermelho e branco, cores-símbolo de dois partidos políticosNacional.
 
O edifício está localizado no que foi a Fortaleza Real de Don Juan Baltazar da Áustria, construída pelo governador Fernando Ortiz de Zárate em 1594, às margens do Rio de la Plata. Serviu como sede para os governadores, em seguida, para os vice-reis do Vice-reinado do Rio de la Plata e depois os governos independentes desde 1810. A velha fortaleza foi demolida na década de 1850 para construir o edifício da Alfândega Nova. Sob a presidência de Domingo Faustino Sarmiento, o edifício foi pintado de rosa, que mantém até hoje. Há uma lenda que diz que a cor rosada é uma junção de vermelho e branco, cores-símbolo de dois partidos políticos.
 
Em 1937, o presidente Agustín P. Apenas decidiu que o edifício foi completamente demolida para criar uma perspectiva a partir da Plaza de Mayo para o rio, e estender a Avenida de Mayo para Puerto Madero<ref>Gutiérrez, Ramón; Berjman, Sonia (1995). La Plaza de Mayo, escenario de la vida argentina. Colección cuadernos del Águila, Fundación Banco de Boston.</ref>No início de 1938 começou a reduzir a demolição do lado sul, em 17 metros. Mas em fevereiro do mesmo ano tornou-se presidente Roberto Marcelino Ortiz, que decidiu ficar demolição. No entanto, a ala sul nunca foi reconstruída.
 
[[Ficheiro:Fachada de la Casa Rosada, vista desde Av. Rivadavia.jpg|230px|thumb|esquerda|A Casa Rosada, uma maravilha arquitetônica em [[Buenos Aires]]]]
 
==A Casa Rosada na cultura==
A Casa Rosada possui fama internacional por ter sido palco para importantes manifestações políticas e também artísticas. Por exemplo, várias cenas dos filmes "A História Oficial" e "[[Evita]]" foram gravadas na praça e nas sacadas do palácio. O palácio é famoso pelo seu grande acervo de pinturas e esculturas, além da sua arquitetura.
 
Para as comemorações do bicentenário da Revolução de Maio de 2010, várias modificações foram feitas e a abertura do Museo del Bicentenario foi realizada no porão da Casa Rosada.
 
 
 
=== O interior do palácio ===
1 361

edições