Abrir menu principal

Alterações

1 byte adicionado ,  05h08min de 10 de março de 2014
sem resumo de edição
Acaia era relativamente pequena, consistindo na península do [[Peloponeso]] (então conhecido como Moreia), mas foi bastante rico, exportador de vinho, uvas passas, cera, mel, azeite e seda. Foi delimitada a norte pelo [[Épiro]] e pelo [[Ducado de Atenas]] e cercado por territórios da [[República de Veneza]], e [[mar Egeu]], incluindo os fortes de Modon e Coron no Peloponeso.
 
[[Godofredo I de Villehardouin]] dividiu o território do seu novo domínio entre seus seguidores. O principado foi dividido em 12 baronatos, cada uma deles constituído por vários feudos menores, que eram unidades territoriais e financeiras, cada uma correspondendo a um rendimento de 1000 ''hyperpyra''[[hipérpiro]]s. Foram eles: o baronato de Akova (Matagrifon), localizado na [[Arcádia]], com 24 feudos, de Skorta (em Karytaina) com 22 feudos, de Nikli e Geraki com 6 feudos, de Kalavryta com 12 feudos, de Vostitza com 8 feudos, de Veligosti, Gritsena, Passava (em Laconia) e Chalandritsa com 4 feudos, enquanto que o baronato de Kalamata foi mantido como um feudo pessoal dos Villehardouins. Havia também sete baronatos clericais, chefiados pelo bispo de [[PátrasPatras]]. Propriedades extensas foram também concedidos às ordens militares dos [[Templários]], [[Hospitalários]] e [[Cavaleiros Teutônicos]].
 
== Governo e administração ==