Diferenças entre edições de "Francisco Xavier de Mendonça Furtado"

616 bytes adicionados ,  22h07min de 14 de abril de 2014
sem resumo de edição
m (Página marcada como sem fontes, usando FastButtons)
'''Francisco Xavier de Mendonça Furtado''' ([[1700]] — [[1769]]) foi um administrador colonial português e fundador da cidade de [[Soure (Pará)]], na [[Ilha de Marajó]] e do município [[São Domingos do Capim]] (Pará).
 
Irmão do [[primeiro-ministro]] [[Sebastião José de Carvalho e Melo|marquês de Pombal]] e dedo patriarca e inquisidor-mor [[Paulo António de Carvalho e Mendonça]].
 
Foi governador geral do [[Estado do Grão-Pará e Maranhão]] de [[1751]] a [[1759]] e [[Ministério da Marinha (Portugal)|secretário de Estado da Marinha e do Ultramar]] entre [[1760]] e [[1769]].
 
Terá ajudado na conspiração para a [[expulsão dos Jesuítas de Portugal]] pois a questão com [[Companhia de Jesus]] com Pombal começara no Brasil, pois ela denunciava a exploração da mão-de-obra indígena<ref>[http://pedrojosemyblog.wordpress.com/2014/04/12/o-marques-de-pombal-estrangeirado-macom-e-jansenista/ Marquês de Pombal: Estrangeirado, Maçom e Jansenista, Ribeiro Martins, 2 de Abril de 2014]</ref>, o que incomodava a governação [[absolutismo|absoluta]] proposta nessa altura por si e perca de rendimento para o [[Estado]].
 
{{Referências}}
 
{{Começa caixa}}