Abrir menu principal

Alterações

18 bytes adicionados, 19h09min de 8 de maio de 2014
m
sem resumo de edição
}}
 
A '''Batalha de Sekigahara''', ou popularmente conhecida como a "divisão do reino", foi o conflito decisivo, ocorrido em [[15 de Setembro]] de [[1600]] (data do antigo calendário chinês, e [[21 de Outubro]] no calendário moderno), que abriu caminho para a ascensão do [[shogun]] [[Tokugawa Ieyasu]] ao poder do Japão. Após o seu desfecho, demorariam apenas 3 anos para Tokugawa consolidar seu poder sobre o [[clã Toyotomi]], da casa de [[Osaka]], e os outros [[daimyo]]s contrários à casa de [[Edo]] dos [[Tokugawa]]. A batalha de Sekigahara é amplamente considerada como o começo não-oficial do ''[[Xogunato Tokugawa|Tokugawa bakufu]]'' - o último [[shogunato]] que exerceu controlo sobre o [[Japão]]. Após o conflito, o Japão viveu um longo período de paz.<ref>{{Harvnb|Davis|1999|p=207-208}}</ref>
 
==Antecedentes e pretexto==