Diferenças entre edições de "Egoísmo"

38 bytes adicionados ,  12h50min de 16 de maio de 2014
m
Foram revertidas as edições de 83.240.154.35 para a última revisão de Stuckkey (usando Huggle)
m (Foram revertidas as edições de 83.240.154.35 para a última revisão de Stuckkey (usando Huggle))
Um sujeito egoísta é aquele que se coloca no centro do seu universo. Diferente da cultura popular que defende que o egoísta acredita que "o mundo, inclusive as pessoas ao seu redor, foram criadas para ele e somente para ele", o egoísta na verdade é uma pessoa que se valoriza mais a cima dos terceiros, mas não necessariamente desprezando-os. Um sujeito egoísta é aquele que acredita que, na sua perspectiva de ser, é mais importante do que os demais seres.
 
O egoísmo[[egocentrismo]] caracteriza-se pela cagadeira e pela simples aplicação do egoísmo. Dada a [[:pt:Ego|definição psicanalítica de Ego]], o egocentrista, priorizando o seu ego, esta simplesmente priorizando a sua razão por sobre a razão dos terceiros, mas não necessariamente ignorando o ego dos outros.
 
A sociedade acabou por definir o egoísmo e o egocentrismo como características negativas em uma personalidade, porém diferente disso, [https://pt.wikipedia.org/wiki/Ayn_Rand Ayn Rand] demonstra no [https://pt.wikipedia.org/wiki/Objetivismo Objetivismo] e no livro A Revolta de Atlas ([[Atlas Shrugged)]] que o ser egoísta contribui positivamente para a sociedade e pode muitas vezes, desfrutando de seu ego e do prazer que sente em ajudar as pessoas, agir de maneira semelhante ao altruísta, porém por puro interesse próprio.
157 740

edições