Diferenças entre edições de "Carlos Fino"

100 bytes adicionados ,  23h21min de 8 de junho de 2014
sem resumo de edição
'''Carlos Fino''' é um [[jornalista]] internacional português, nascido em Lisboa, em [[1948]]. No início da década de 70, perseguido pela polícia política portuguesa PIDE, devido à sua participação no movimento estudantil (foi membro da Direção da Associação de Estudantes da Faculdade de Direito de Lisboa), '''Carlos Fino''' abandona clandestinamente o País, dirigindo-se para [[Paris]]. Mais tarde, segue para [[Bruxelas]], onde obtém o estatuto de refugiado das Nações Unidas e cursa Direito na ULB (Université Libre de Bruxelles) e daí para [[Moscovo]], cidade em que começa a sua carreira profissional, trabalhando como locutor de rádio internacional e tradutor.
 
Em 1974, regressa a Portugal, onde trabalha na agência Nóvosti e começa a colaborar com vários jornais nacionais e com a antiga Emissora Nacional (EN). Em finais de [[1975]], volta a Moscovo, agora na qualidade de correspondente credenciado da EN, antecessora da RDP - Rádio Difusão Portuguesa. Entretanto, começa a colaborar também com a [[RTP]], televisão pública portuguesa, para a qual assegura a cobertura dos Jogos Olímpicos de Moscovo de 1980.[[Ficheiro:CARLOS FINO - IRAQUE.jpeg|thumb|Entrada dos tanques americanos em Bagdade - Abril de 2003]]
 
É ao serviço da RTP que '''Carlos Fino''' atinge o auge da sua carreira, tendo sido, nos anos 1980, repórter, repórter parlamentar, comentador, apresentador de diversos serviços noticiosos, correspondente internacional e correspondente de guerra.
25

edições