Diferenças entre edições de "Marquês de Cascais"

232 bytes adicionados ,  11h00min de 5 de julho de 2014
Ajustes
(Ajustes)
O título de '''Marquês de Cascais''' foi um [[título nobiliárquico]] de [[Portugal]]. Foi atribuído por carta de [[João IV de Portugal|D. João IV]] de 19 de Novembro de 1643 a D. Álvaro Pires de Castro, 6.º Conde de Monsanto, ao ser este nomeado embaixador a [[Paris]], no início da [[Guerra da Restauração]] (1640-1668).
 
Este '''Conde de Monsanto''' pertencia a uma das mais antigas e ilustres linhagens ibéricas: este título, cuja criação remonta a 1460, correspondia a um dos mais antigos condados de Portugal, e a linhagem tinha origens nos Condes de Lemos, da [[Galiza]], considerada uma das Casas mais ilustres de [[Castela]]. Sempre a partir de 1643 estiveram os dois títulos associados; no entanto, já desde o primeiro Conde de Monsanto esteve a vila de [[Cascais]] sempre associada ao condado, como se explica infra.
 
[[Anselmo Braamcamp Freire]] no Vol. I dos seu [[Brasões da Sala de Sintra]], dedica o Cap. III aos Castros de seis arruelas, incluindo o ramo dos Condes de Monsanto mais tarde Marqueses de Cascais.<ref>FREIRE, Anselmo Braamcamp: ''Brasões da Sala de Sintra'', Vol. I, p. 61-72</ref>
 
Também [[António Caetano de Sousa]], nas ''Memorias Historicas e Genealogicas dos Grandes de Portugal'', dedicou um capítulo às origens e genealogias destes títulos, ainda que o 4º Marquês de Cascais e 11º Conde de Monsanto à data da terceira edição da obra em 1755 já tivesse falecido sem descendência dez anos antes.<ref>CAETANO DE SOUSA, António: ''Memorias Historicas e Genealogicas dos Grandes de Portugal'', pp. 13797-138 e 323-344111.</ref>
 
== Condes de Monsanto (1460) ==
# D. [[António de Castro, 4.º Conde de Monsanto]] (c. 1530 - 1602)
# D. [[Luís de Castro, 5.º Conde de Monsanto]] (c. 1560 - 1612)
# D. Álvaro Pires de Castro e Sousa (c. 1590 - 1674), 6.º Conde de Monsanto, feito '''1.º Marquês de Cascais'''.
 
== Marqueses de Cascais (1643) ==
 
== Bibliografia ==
* ''Livro do Armeiro-Mor'' (1509). 2.ª edição. Prefácio de Joaquim Veríssimo Serrão; Apresentação de Vasco Graça Moura; Introdução, Breve História, Descrição e Análise de José Calvão Borges. Academia Portuguesa da História/Edições Inapa, 2007.
* ''Livro da Nobreza e Perfeiçam das Armas'' (António Godinho, Séc. XVI). Fac-simile do MS. 164 da Casa Forte do Arquivo Nacional da Torre do Tombo. Introdução e Notas de Martim Albuquerque e João Paulo de Abreu e Lima. Edições Inapa, 1987.
* BRAAMCAMP FREIRE, Anselmo: ''Brasões da Sala de Sintra''. 3 Vols. 3ª Edição, Imprensa Nacional-Casa da Moeda, 1996.
* CAETANO DE SOUSA, António: ''Memorias Historicas e Genealogicas dos Grandes de Portugal''. 3.ª Edição, 1755.
 
 
{{DEFAULTSORT:Conde Monsanto}}
219

edições