Abrir menu principal

Alterações

4 bytes removidos ,  02h21min de 9 de julho de 2014
correct
Depois da [[Segunda Guerra Mundial]] o arquipélago foi administrado pelos [[Estados Unidos]]. As ilhas do grupo [[Amami]] foram devolvidas ao Japão em [[1953]] e fazem parte da província de [[Kagoshima]]. O resto do arquipélago, à excepção de [[Okinawa]] foi entregue em [[1967]]. [[Okinawa]] voltou à soberania japonesa em [[1972]].
 
Hoje em dia, há uma questão que envolve a população das ilhas: alguns de seus habitantes (e alguns japoneses também) consideram que as pessoas de Ryukyu não são "japoneses de fato". Durante séculos havia um certo preconceito entre okinawanosryukyu e japoneses devido às diferenças culturais. Historiadores afirmam que os habitantes originais de OkinawaRyukyu eram predominantemente [[Jomon]] (etnia japonesa). OkinawaRyukyu nos últimos séculos tinha uma cultura distinta (vestes folclóricas e danças folclóricas) que foi influenciada pela Dinastia chinesa e uma história significativamente diferenciada do resto do Japão.
 
Alguns habitantes das ilhas dizem ser discriminados pelo governo central japonês, por este permitir que tantos soldados norte-americanos permaneçam estacionados em OkinawaRyukyu, em quantidade até maior do que em todo o resto do Japão, no entanto, devido à sua posição estratégica entre a China, Coreia e Japão, a presença militar em OkinawaRyukyu constitui um importante alicerce da política defensiva Japão-Estados Unidos.
 
As [[Ilhas Senkaku]] são um grupo de ilhas desabitadas controladas atualmente pelo Japão ([[Okinawa]]), mas também disputadas pela [[República Popular da China]] e pela [[República da China]] (Taiwan). As disputadas [[ilhas Senkaku]] são, em teoria, administradas como parte da província de [[Okinawa]].
 
Vários cantores populares japoneses e grupos musicais são oriundos das Ryūkyū. Isto inclui (dentre outros), a banda [[Stereopony]] e a cantora Amuro Namie e o grupo Da Pump.
Utilizador anónimo