Abrir menu principal

Alterações

35 bytes adicionados, 03h56min de 14 de agosto de 2014
O processo se inicia pela queima de carbonato de cálcio com o auxílio de coque.
 
:<math> \mathsf{CaCO_3 \rightarrow CaO + CO_2}</math>
 
O CO<sub>2</sub> obtido é borbulhado então numa torre de carbonatação, simultanemanete à amônia, numa solução de NaCl, a frio. Isto produz [[Bicarbonato_de_sódio|NaHCO<sub>3</sub>]], que, em meio alcalino e em baixa temperatura acaba por precipitar.
 
:<math> \mathsf{NaCl + CO_2 + NH_3 + H_2O \rightarrow NaHCO_3\downarrow + NH_4Cl}</math>
 
O Bicarbonato de sódio é separado por filtração e aquecido, para que se decomponha em Na<sub>2</sub>CO<sub>3</sub>, CO<sub>2</sub> e água.
 
:<math> \mathsf{2 NaHCO_3 \rightarrow Na_2CO_3 + CO_2\uparrow + H_2O}</math>
 
Em paralelo, o [[Óxido_de_cálcio|CaO]] gerado na primeira etapa é reagido com água para formar [[Hidróxido_de_cálcio|Ca(OH)<sub>2</sub>]] e é então utilizado na regeneração da amônia, com o [[Cloreto_de_amônio|NH<sub>4</sub>Cl]].
 
:<math> \mathsf{CaO + H_2O \rightarrow Ca(OH)_2}</math>
:<math> \mathsf{Ca(OH)_2 + 2 NH_4Cl \rightarrow 2 NH_3\uparrow + CaCl_2 + H_2O}</math>
 
Este processo recicla a amônia, consome apenas sal marinho, CaCO<sub>3</sub> e coque, e tem como unico sub-produto o CaCl<sub>2</sub>, que pode ser descartado no mar. Isto fez com que substituísse completamente o processo Leblanc, sendo utilizado até hoje.
Utilizador anónimo