Werner Schumann: diferenças entre revisões

4 bytes removidos ,  19h21min de 22 de agosto de 2014
(o fato de ter nascido no brasil e apenas ser descendente, não o torna alemão)
Nos anos 80 estudou [[fotografia]], [[roteiro]] e [[montagem]] pela [[Fundação Cultural de Curitiba]] ([[Cinemateca Guido Viaro]]) e começou sua carreira dirigindo filmes experimentais em [[super 8]]. <ref>{{Cite web | title = Werner Schumann | accessdate = 2011-06-30 | url = http://www.imdb.com/name/nm1485317/ }}</ref>
 
Nos anos 90 dirigiu “[[Pioneiros do Cinema]]” (Vencedor do Prêmio do [[Governo do Estado do Paraná]] e vencedor do [[Tatu de Ouro]] de Melhor Ficção na XXI [[Jornada Internacional de Cinema da Bahia]]); “[[De Bona-Caro Nome]]” documentário com a participação de [[José Wilker]] (vencedor do Prêmio [[Fiat do Brasil]]), “[[Ervilha da Fantasia]]”, documentário "[[Ervilha da Fantasia]]" sobre o poeta [[Paulo Leminski]]; além de curtas-metragens experimentais como “[[VOLK]]!”, (vencedor do Curitiba Arte 10), “Trabalho de Parto” e “O Poeta e a Rainha” (Seleção Oficial [[Festival de Oberhausen]], [[Alemanha]]).
 
Também produziu inúmeros curtas-metragens e dirigiu programas de TV, comerciais e vídeo clips, dentre eles “A Bruma e o Breu” (Prêmio Saul Trumpet de Melhor Vídeo do Ano em 97).
185

edições