Diferenças entre edições de "Cyrano de Bergerac"

9 bytes adicionados ,  18h12min de 12 de setembro de 2014
correcção de "30 anos de guerra" para "a Guerra dos Trinta Anos"
(correcção da tradução de Pont Neuf)
(correcção de "30 anos de guerra" para "a Guerra dos Trinta Anos")
 
A personagem Roxane que a peça de Rostand apresenta era uma prima de Bergerac, que viveu com sua tia, Catherine de Cyrano, em um Convento das “Daughter of the Cross”, onde Bergerac foi atendido após ter sido atingido por uma viga de construção. Na peça,
Bergerac luta no cercoCerco de [[Arras]] (1640), uma batalha dosda 30[[Guerra anosdos deTrinta guerraAnos]], entre França e forças espanholas. Um dos companheiros de batalha foi o Barão de Neuvillette, que casou com a prima de Cyrano. Contudo, a história da peça envolvendo Roxane e Christian é ficcional.
 
Adoeceu, em 1654, após ser ferido na cabeça por uma viga que caiu acidentalmente de uma construção sob a qual passava, e nunca mais se recuperou completamente<ref>[http://www.bewilderingstories.com/issue54/cyrano41.html#death Afterword to Cyrano de Bergerac’s The Other World - by Don Webb]</ref>. Doente e pobre, ficou sob a proteção do duque de Arpajon, e posteriormente ficou abrigado pela prima, a baronesa de Neuvillette<ref>Edmond Rostand teria se inspirado na baronesa de Neuvillette para criar Roxana, em sua peça Cyrano de Bergerac</ref>, morrendo em Sannois, na casa de seu primo Pierre de Cyrano, em 1655<ref>[http://www.cyranodebergerac.fr/cyrano_savinien_contenu.php?contenu_id=8 www.cyranodebergerac.fr.]</ref>.
Utilizador anónimo