Abrir menu principal

Alterações

902 bytes removidos ,  00h33min de 6 de outubro de 2014
De acordo com a [[Constituição brasileira de 1988|Constituição Federal do Brasil de 1988]], é o representante nacional popular, eleito por voto direito. O mandato é de quatro anos, podendo o candidato concorrer a sucessivas reeleições.
 
Compete ao deputado federal o ato de legislar e manter-se como guardião fiel das leis e dogmas constitucionais nacionais, inclusive podendo propor, emendar, alterar, revogar, derrogar [[lei]]s, leis complementares, emenda à [[Constituição Federal]] e propor emenda para a constituição de um novo CC (Congresso Constituinte) para confecção de nova Constituição são eleitos por estados. Cada estado tem uma representação proporcional a sua população, definida por [[lei complementar]], porém com o número mínimo de oito e máximo de setenta deputados por estado e 513 deputados no total.
 
== Forma de eleição ==
De acordo com a legislação em vigor, os deputados federais são eleitos por estados. Cada estado tem uma representação proporcional a sua população, definida por [[lei complementar]], porém com o número mínimo de oito e máximo de setenta deputados por estado e 513 deputados no total.
 
Em cada estado, cada partido ou [[coligação partidária]] elege uma quantidade de deputados proporcional a quantidade de votos recebidos, porém também existe uma [[cláusula de barreira]] que exige um número mínimo de votos por partido.O deputado federal fiscaliza as leis formuladas pelo senado
 
Esse é um sistema de eleição proporcional. O eleitor, porém, tem a impressão que está votando em pessoas, quando o seu voto vai primeiro para o partido e só então para o candidato.
 
=== Críticas ao sistema proporcional ===
Costuma ocorrer uma distorção neste sistema devido ao fato de que alguns políticos recebem tantos votos que outros candidatos da mesma coligação (ou partido, quando não coligado) podem acabar eleitos mesmo tendo votação irrisória.
 
Para definir o número total de vagas a serem preenchidas por determinado partido, os votos de todos os candidatos de cada partido são contabilizados juntos. Após a determinação do número de vagas que cabe a cada partido, os políticos são nomeados para cada vaga partidária, obedecendo à ordem de classificação por quantidade de votos individuais. Desta forma um partido pode conseguir muitas cadeiras no congresso devido a grande votação de um único político. Esses políticos são chamados "puxadores de votos".
 
== {{Ver também}} ==
Utilizador anónimo