Abrir menu principal

Alterações

6 bytes removidos ,  21h09min de 14 de novembro de 2014
 
===Biblioteca Joanina===
Expoente do Barroco Português e uma das mais ricas bibliotecas europeias, a Casa da Livraria, mais tarde denominada Biblioteca Joanina, foi construída entre os anos de 1717 e 1728. Foi executada por Gaspar Ferreira desconhecendo-se, no entanto, a autoria do projeto. Para a sua decoração contribuíram mestres como Manuel da Silva, Simões Ribeiro e Vicente Nunes. Ficará conhecida como Biblioteca Joanina em honra e memória do Rei [[D. João V]] (1707-1750), patrocinador da sua construção e cujo retrato de 1725, da autoria de Domenico Duprà, domina a última sala. Foi construída de modo a exaltar o monarca e a riqueza do império português, nomeadamente da provinda do Brasil, estando integralmente revestida por estantes forradas a folha de ouro e decoradas com motivos chineses. Recebeu os primeiros livros depois de 1750 e o seu acervo conta com cerca de 55 000 livros.<ref name="Biblioteca Joanina1">{{citar web|URL=http://visit.uc.pt/biblioteca/|título=Biblioteca Joanina / Casa da Livraria|autor=|data=|publicado=Universidade de Coimbra|acessodata=14-11-2014}}</ref><ref name="Biblioteca Joanina2">{{citar web|URL=http://www.uc.pt/informacaopara/visit/paco/biblioteca|título=Biblioteca Joanina|autor=|data=|publicado=Universidade de Coimbra|acessodata=12-11-2014}}</ref>
 
O edifício tem três pisos, localizando-se o espaço nobre da biblioteca (constituído por três salas comunicantes) no nível superior, com acesso direto pelo Pátio das Escolas através um portal monumental, como um arco de triunfo, ladeado de colunas jónicas e dominado por um magnífico escudo real. O piso inferior albergou, em tempos, a Prisão Académica.<ref name="Biblioteca Joanina1" /><ref name="Biblioteca Joanina2" />