Popeye (filme): diferenças entre revisões

67 bytes adicionados ,  26 de novembro de 2014
Ajustes em ligações.
(→‎Curiosidades: correção - Malta e Islandia sao duas ilhas bem distantes)
(Ajustes em ligações.)
Nos Estados Unidos, algumas críticas negativas foram pelo fato de Popeye não gostar de espinafre na história, e só aprender a comer a verdura no final do filme. Mas, diferente desses críticos, os fãs das [[HQ|tirinhas]] de E. C. Segar diziam que a personagem "Popeye" original dos quadrinhos inicialmente também não comia espinafre (realmente, nas primeiras aparições Popeye ainda não a usava para ficar forte). E também havia o fato de que em muitos episódios de cinema Popeye contava a seus sobrinhos que quando ele era criança não gostava de espinafre, e que só depois aprendeu a importância de se te-lo nas refeições.
 
Um dos principais motivos pelo filme ter sido um pouco estranhado pela crítica é que as primeiras tiras em quadrinhos do Popeye publicadas em [[1929]], já não eram tão conhecidas quando o filme foi lançado, em 1980; e o público não estava muito familiarizado com as várias personagens da cidade de ''"Sweethaven"'' que aparecem durante o filme, pois eles participavam com mais frequência nos quadrinhos, do que nas animações. A história do roteiro também era mais inspirada nas primeiras histórias em quadrinhos de Elzie Segar, do que nos desenhos de cinema. Como nas tiras ''"Thimble Theatre"'' dos [[Década de 1930|anos 30]], o filme mostrava Popeye chegando à cidade de ''"Sweethaven"'' e conhecendo a família da [[Olívia Palito]]. Depois se apaixona pela Olívia, encontra [[Gugu (personagem)|Gugu]] abandonado em uma cesta (baseado em uma história publicada no dia 24 de julho de 1933, na qual Gugu faz sua estreia [[Gugu (personagem)#Nos quadrinhos|nos quadrinhos]]) e reencontra o seu pai desaparecido, Poopdeck Pappy (ou "[[Vovô Popeye]]"). Por esses motivos, algumas das pessoas que conheceram os quadrinhos originais do Popeye costumam defender a fidelidade do filme à obra de Elzie Segar. A fidelidade é apontada também em alguns outros pontos, como a interpretação de Robin Williams, que fica bem próxima ao Popeye dos curta-metragens dos [[Fleischer Studios]]. Um exemplo disso é que Williams matém o mesmo costume que o Popeye de Max Fleischer tinha, de sempre murmurar frases quase incompreensíveis em voz baixa, quando está pensando consigo mesmo.
 
A [[idade]] de Popeye no filme era de 32 anos, já que em uma cena ele diz que seu pai o abandonou quando ele tinha 2 anos, e que já não o via a 30 anos. Em um episódio da [[década de 1950]] Popeye é mostrado como tendo 40 anos, mas curiosamente no site oficial do personagem (popeye.com), é dito que ele tem 34 anos, enquanto Olívia tem 29 e Brutus 36.
* [[Donovan Scott]] — [[Castor Palito]]
* Bill Irwin — Ham Gravy
* Wesley Ivan Hurt — [[Gugu (personagem)|Gugu]]
* [[Dennis Franz]] — Spike
 
== Dublagem brasileira ==
No Brasil, o filme foi lançado em [[VHS]] pela [[Abril Vídeo]], no ano de [[1989]], dublado pelo estúdio [[S&C Produções Artísticas - São Paulo]], com [[Nelson Machado]] dublando a voz de Robin Williams (Popeye), e Noeli Santisteban a voz de Shelley Duvall (Olívia). Quando foi exibido pela Rede Globo, era com uma dublagem da [[Herbert Richers]], que trazia o mesmo dublador do Popeye em seus desenhos, [[Orlando Drummond]], dublando Robin Williams, e [[Miriam Ficher]] dublando Shelley Duvall, além de alguns outros dubladores[[dublador]]es que também davam voz às personagens na versão em desenho animado.
 
Na dublagem para VHS, o bebê "[[Gugu (personagem)|Swee'Pea]]" foi chamado de "Zezé" em vez de "Gugu" (o que não é totalmente errado, pois o personagem já havia sido chamado assim em algumas das primeiras traduções dos quadrinhos do Popeye); apesar disso, na versão do VHS a voz do dublador Nelson Machado se adequava melhor ao ator [[Robin Williams]], enquanto na versão para TV, a voz de Orlando Drummond fica um pouco mais grossa do que a do ator, combinando mais com o "Popeye animado" que aparece na abertura do filme.
 
=== Primeira dublagem para VHS ===
* ''Popeye'' foi uma produção conjunta da [[Paramount Pictures]] (distribuidora/produtora dos desenhos de Popeye durante o período de 1933-57) e a [[The Walt Disney Company|Walt Disney Productions]] (Antigo rival do Popeye e antigo rival do [[Mickey Mouse]]). O filme foi realizado em [[Malta]], na vila de [[Mellieha|Mellieħa]] no noreste da costa da ilha. O cenário é agora uma atração turística conhecida como a [[Vila Popeye]].
* A cidade de Sweethaven, onde mora a família de Olivia Palito, o seu namorado original Ham Gravy e uma infinidade de personagens secundários das tiras, aparecem no filme. O irmão de Olívia, Castor, tem uma importante participação no filme. Popeye é mostrado como detestando [[espinafre]], o que gerou algumas críticas mas que pelas primeiras tiras não seria incorreto: o amor de Popeye pelo espinafre ficou mais acentuado com o passar do tempo e principalmente, nos desenhos animados.
* Robin Williams teve de dublar várias de suas próprias falas, pois os resmungos característicos que Popeye costuma fazer haviam ficado inaudiveisinaudíveis nas filmagens.
* A maquiagem dos músculos ampliados dos braços de Robin Williams não ficou pronta antes do começo das filmagens, daí em algumas cenas Popeye usar blusas de mangas compridas.
* Na cena em que Ray Walston joga uma lata de espinafre para Robin Williams, ele o fez com muita força e acaba machucando a cabeça de Williams. As filmagens ficaram interrompidas por algumas semanas.
6 721

edições