Escrita japonesa: diferenças entre revisões