Diferenças entre edições de "Ocidentalismo"

49 bytes removidos ,  03h14min de 31 de março de 2015
sem resumo de edição
(um erro ortografico)
Etiquetas: Editor Visual Referências removidas
Por exemplo, nativos que adotaram [[línguas europeias]] e costumes ocidentais característicos são chamados de "aculturados" ou "ocidentalizados". A ocidentalização pode ser forçada ou voluntária, dependendo da situação do contato.
 
Diferentes graus de dominação, destruição, resistência, sobrevivência, adaptação e modificação da cultura nativa podem seguir-se a um contato interétnico. Numa situação onde uma cultura nativa vivencia a destruição como resultante do contato com um intruso mais poderoso, frequentemente uma "fase de choque" é o resultado do encontro. Esta fase de choque é especialmente característica durante interações envolvendo épocas expansionistas ou colonialistas. Durante a fase de choque, a repressão civil usando forças militares pode levar a um colapso cultural ou [[etnocídio]], o qual é a extinção física de uma cultura. De acordo com Conrad Phillip, os ocidentais "tentarão refazer a cultura nativa à sua própria imagem, ignorando o fato de que os modelos culturais que eles criaram são inadequados para ambientes fora da civilização ocidental".Eles também veem anime e isso mudou muito eles.
 
== Definição de Ocidente ==
 
=== Pessoas ===
Um ponto de vista diferente sobre o mundo ocidental é que ele não seria definido por seu território, mas por seu povo, visto que este tende a diferenciar-se num mundo crescentemente globalizado. Esta abordagem destaca a presença de populações não- ocidentais em países de maioria ocidental e vice-versa. Os [[bôeres]], por exemplo, podem ser considerados como habitantes ocidentais da [[África do Sul]].
 
=== Diferenças ===