Diferenças entre edições de "Édouard Manet"

Sem alteração do tamanho ,  16h04min de 2 de abril de 2015
(→‎Glória e escândalos: ligação interna ao artigo sobre o Quadro)
Após os seguidos fracassos ao tentar entrar para Escola Naval, Manet consegue apoio de seus pais para estudar no ateliê do pintor e mestre [[Thomas Couture]], onde ficou por seis anos. Thomas Couture tinha um estilo acadêmico, estudou na [[École des Beaux-Arts]] de Paris (''"Escola de Belas Artes"''), suas mais conhecidas obras foram ''"Os [[Romanos]]" e "A decadência"''.
 
Durante seis anos, Manet procurou aprender as bases técnicas da pintura e fez cópias de obras expostas no Louvre (cópias de obras de [[Ticiano]], [[Velazquez]], [[Tintoretto]] e [[Delacroix]]). Manet completou seu aprendizado viajando e conhecendo museus de outros países euporeuseuropeus ([[Itália]], [[Holanda]], [[Alemanha]], [[Áustria]] e outros). Em uma das viagens à Itália, Manet copiaria ''"Vênus de Urbino"'' de Ticiano que seria sua inspiração para fazer anos depois ''"Olympia"''.
 
Em [[1852]], Manet teve um filho ilegítimo com Suzanne Leenhoff. Suzanne tinha origem holandesa e era professora de [[piano]]. O pai de Manet se opôs ao casamento dos dois que só aconteceu depois que o Sr. Manet morreu.
Utilizador anónimo