Diferenças entre edições de "San Lorenzo fuori le Mura"

4 bytes removidos ,  00h38min de 13 de abril de 2015
O [[campanário]] foi construído no século XII. Logo depois da entrada está o túmulo do [[cardeal]] Guglielmo Fieschi, que morreu em 1256, mas foi enterrado num sarcófago mais antigo, esculpido com um relevo de uma festa de casamento pagã.
 
No interior, a área do [[coro (arquitetura)|coro]] e o [[púlpito]] são decorados em [[cosmatesco]], assim como a bela vela pascal do século XII ou XIII. O antigo [[capitel]] [[ordem jônica|jônico]] na coluna diretamente atrás do púlpito está esculpido com imagens de um sapo e um lagarto. No [[arco triunfal]] estão [[mosaico]]s [[arte bizantina|bizantinos]] do século VI representando Cristo e santos. O ''confessio'' abaixo do altar-mor pode ser acedido através da [[nave (arquitetura)|nave]]. Lá estão os túmulos de São Lourenço e Santo Estêvão, este último [[translação (relíquias)|transferido]] de [[Constantinopla]] pelo [[papa Pelágio II]] durante as reformas que promoveu na basílica. Atrás do altar-mor está o altar papal com uma inscrição listando os responsáveis por sua construção, a família Cosmati, e a data, 1418.
 
A basílica foi o lar do [[patriarca latino de Jerusalém]] de 1374 até 1847. Em 1943, São Lourenço Fora dos Muros foi bombardeado durante um dos vários [[Bombardeios de Roma na Segunda Guerra Mundial|bombardeios de Roma]] durante a [[Segunda Guerra Mundial]]. A restauração continuou até 1948, o que permitiu que alguns acréscimos do século XIX fossem removidos. Os [[afresco]]s da fachada, porém, se perderam para sempre.
198 339

edições