Diferenças entre edições de "PCI Express"

272 bytes adicionados ,  21h47min de 5 de maio de 2015
m
Reversão de uma ou mais edições de 187.126.25.69 para a versão 42220480 de Steinsplitter, com Reversão e avisos.
m (Reversão de uma ou mais edições de 187.126.25.69 para a versão 42220480 de Steinsplitter, com Reversão e avisos.)
PCIe implementa dividir transações (operações com pedido e resposta separados por tempo), permitindo a ligação para o transporte de outros veículos, enquanto o dispositivo alvo recolhe dados para a resposta.
 
PCI Express utiliza credit-based para controlo de fluxo. Neste esquema, um dispositivo publicita um montante inicial de crédito para cada um dos buffers receber no seu Transaction fayolLayer. O dispositivo na extremidade oposta da ligação, quando as transações para enviar ao dispositivo, irá contar o número de créditos consumidos por cada TLP a partir da sua conta. O dispositivo só pode transmitir uma TLP quando isso não resulte em seu consumidos crédito, superior a conta limite de crédito. Quando o dispositivo receptor termina o tratamento do TLP a partir do seu tampão, é sinais de um regresso aos créditos do dispositivo de envio que, depois, aumenta o limite de crédito pela montante restaurada. Os balcões são modulares de crédito, bem como a comparação dos créditos consumidos para limite de crédito requer módulo. A vantagem deste sistema é a de que a latência de crédito que retornoa, não afeta o desempenho, desde que o limite de crédito não seja encontrado. Esta hipótese é geralmente cumprida se cada dispositivo é projetado com dimensões adequadas de buffer.
 
Primeira - geração PCIe é freqüentemente citado para apoiar uma taxa de transferência de dados de 250 MB/seg em cada sentido, por (x1) lane. Este valor é o cálculo da taxa física sinalizadoras (2,5 Gbaud) dividida pela codificação overhead (10 bits por byte). Isto significa que em uma PCIe (x16) lane, teoricamente seria capaz de transferir dados a 250MB/seg * 16 = 4 GB/seg em cada sentido. Enquanto isto é correto em termos de bytes, cálculos mais significativos, será baseada em dados utilizáveis pela taxa de carga útil, o que depende do perfil do tráfego, que é uma função do alto nível (software) e a aplicação que protocola os níveis intermediários.
Surgiram normas para várias comunicações de banda larga baseados em arquitetura serial. Estes incluem, mas não estão limitados, a HyperTransport, InfiniBand, RapidIO, e StarFabric.
 
Essencialmente, as diferenças são baseadas em que as implicações entre a flexibilidade e a extensibilidade vs latência em gerais. Um exemplo deste tipo de troca é complexa, cabeçalho acrescentando informações transmitidas a um pacote para permitir um complexo roteamento. Esta sobrecarga adicional reduz a eficácia da largura de banda da interface e écomplica muitoa bomdescoberta e inicialização de software pelo bus. Também tornar o sistema hot plug-exige que o software pista topologia muda. Exemplos de bus adaptados para o efeito são InfiniBand e StarFabric.
 
== Status ==