Abrir menu principal

Alterações

7 bytes adicionados, 20h39min de 13 de junho de 2015
 
==Meteorologia==
Também encontramos esses termos em relação à influência do relevo sobre o clima. Por exemplo: uma [[montanha]] é uma barreira para o deslocamento das massas de ar que carregam a [[humidade|umidade]]. O ar que vai em direção à montanha (portanto a barlavento da mesma) é forçado a subir e [[condensação|condensa-se]], devido à redução adiabática da [[temperatura]], podendo causar [[chuva]]. Após passar as montanhas, já desprovido de humidade, o ar desce e aquece adiabaticamente. Portanto, costumamos encontrar [[floresta]]s ou poças a barlavento e áreas mais áridas, até charcos ou [[deserto]]s, a sotavento.
 
==Outros usos==
Também se referem às construções quando se estuda o comportamento das estruturas sob a acçãoação do vento, por exemplo nos edifícios, as [[fachada]]s a barlavento e as fachadas a sotavento.
 
A expressão também é usada no meio [[aeronáutica|aeronáutico]], quando se estuda [[meteorologia]] voltada para a aviação, os termos têm aplicações análogas.
=={{Bibliografia}}==
 
* GASMIER,T.R. '''Apostila de BionasBiomas e Ecossistemas da Amazônia 2007'''. Manaus: UPAM,2007.
 
{{notas}}
Utilizador anónimo