Abrir menu principal

Alterações

Sem alteração do tamanho, 11h39min de 23 de junho de 2015
sem resumo de edição
[[Ficheiro:Flag of France.svg|25px|borda]] Jacques-François Menou
}}
A '''Campanha do Egito''' foi uma campanha militar realizada durante a [[Revolução Francesa]] e, por isso, deverá ser analisada no âmbito das [[Guerras revolucionárias francesas|Guerras da Revolução Francesa]]. Nesta campanha, os Franceses pretenderam ocupar o [[Egito]] para utilizarem este território como plataforma a partir de onde avançariam para a [[Índia britânica|Índia]], onde, com o apoio de forças locais, atacariam o domínio britânico daquela região. marilia hofmeister Nos dois primeiros anos (1798 e 1799), as forças militares francesas foram comandadas por [[Napoleão Bonaparte]], que tinha defendido a realização desta expedição. Entre a França e o Egito fica a ilha de [[Malta]], que foi conquistada pelos Franceses durante o trajeto. A campanha militar foi acompanhada de uma ''campanha científica'', na qual participaram numerosos nomes dos meios académicos franceses, que foi um sucesso. A [[Pedra de Roseta]] foi encontrada durante esta campanha. No entanto, em termos militares, "a campanha foi um desastre. Foi um desperdício de vidas, de dinheiro e de materiais. Não teve influência na balança do poder internacional ou na posição da marinha francesa no [[Mediterrâneo]]"<ref>Connelly, p. 97.</ref>.<br />
 
==Antecedentes==
Utilizador anónimo