Falange Socialista Boliviana: diferenças entre revisões

340 bytes adicionados ,  13h48min de 24 de junho de 2015
sem resumo de edição
m
{{Info/Partido político|nome = Falange Socialista Boliviana|nome_original = Falange Socialista Boliviana|fundação = [[1937]]|líder = [[Gustavo Sejas Revollo]]|colorcode = darkblue|cores = [[Azul]]|ideologia = [[Fascismo]] <br> [[Nacionalismo]] <br> [[Socialismo]] <br> [[Anti-capitalismo]]|espectro = [[Direita]] a [[Extrema-direita]]}}A '''Falange Socialista Boliviana''' ('''FSB''') é uma força política [[nacionalista]] de [[extrema-direita]] fundado por Óscar Únzaga e outros cinco jovens universitários, em [[Santiago (Chile)|Santiago]] de [[Chile]], em 15 de agosto de 1937. Desde seu nascimento se colocou para enfrentar o poder mineiro. O partido foi o segundo maior partido legalizado do país entre os anos 1954 e 1974. Depois disso, seus seguidores começaram a gravitar para as candidaturas militares do general [[Juan Pereda]] (1978) e, principalmente, para a [[Ação Democrática Nacionalista (Bolívia)|ADN]], partido do ex-ditador [[Hugo Banzer]] <ref> ''Herbert S. Klein'', [http://books.google.com.br/books?id=TMZ5cCxe6EIC&printsec=frontcover&dq=A+Concise+History+of+Bolivia&hl=pt-BR&sa=X&ei=WdidUoazM63NsQTD9YCABw&ved=0CDEQ6AEwAA#v=snippet&q=FSB&f=false A Concise History of Bolivia] {{en}} Cambridge University Press, 2003 pp. 217-218. ISBN 0-521-80782-4</ref>.
 
{{Referências}}
Utilizador anónimo