Diferenças entre edições de "Insidious: Chapter 3"

3 253 bytes adicionados ,  02h19min de 14 de julho de 2015
+ enredo
Etiquetas: Edição via dispositivo móvel Edição feita através do sítio móvel
(+ enredo)
 
'''''Insidious: Chapter 3''''' (no Brasil: '''''Sobrenatural: A Origem''''', e em Portugal: '''''Insidious: Capítulo 3''''') é um filme norte-americano de [[Terror (gênero)|terror]] [[sobrenatural]] de [[2015 no cinema|2015]], escrito e dirigido por [[Leigh Whannell]], marcando sua estreia como [[Diretor de cinema|diretor]]. O filme é uma continuação de [[Insidious: Chapter 2]] sendo a terceira parte da franquia '''''Insidious'''''. O filme é estrelado por [[Dermot Mulroney]] e [[Stefanie Scott]], com participações de [[Angus Sampson]], [[Leigh Whannell|Whannell]], e [[Lin Shaye]] reprisando seus papéis dos filmes anteriores. O Filme foi lançado em 05 de junho de 2015 nos [[EUA]], e no [[Brasil]] será lançado no dia 30 de Julho de 2015.
 
== Enredo ==
{{Revelações sobre o enredo}}
Este filme é uma prequela de vários anos antes do [[Insidious|assombro da família Lambert]]. Elise Rainier relutantemente concorda em usar sua habilidade espiritual para entrar em contato com os mortos para ajudar Quinn Brenner, uma adolescente cuja mãe Lilith morreu recentemente. Quinn acredita que Lillith vem tentando alcançá-la através do mundo espiritual, ela então visita Elise para uma leitura. Elise é incapaz de completar a leitura; ela pára depois de ouvir uma presença demoníaca que ameaça matá-la. Ela avisa para Quinn parar de tentar chegar a sua mãe e que se "você chama a um dos mortos, todos eles podem ouvi-lo."
 
Logo depois, Quinn começa a ouvir barulhos à noite e percebe mais ocorrências sobrenaturais. Ela sai da escola no dia seguinte para uma audição para uma academia de teatro em Nova York. Antes de subir ao palco, ela percebe um vulto escuro acenando para ela de fora do palco. Ela acaba deixando sua audição no entanto, devido ao seu pai autoritário dando suas responsabilidades como cuidar de seu irmão, Alex, e gerenciar a casa, o que tornou impossível para ela memorizar suas falas. Mais tarde naquela noite, ela se encontra com sua amiga Maggie, e discute sua infelicidade com rigor de seu pai e sua falta de entusiasmo sobre seus sonhos. Enquanto elas atravessam a rua, Quinn vê a mesma figura escura acenando na rua e pára para olhar, fazendo-a ser atropelada por um carro. O acidente deixa-la temporariamente em uma cadeira de rodas com duas pernas quebradas em moldes. Seu pai, Sean, coloca-a na cama, com um sino para tocar, caso ela precise dele. Naquela noite, ela é acordada pelo som do sino tocando por si só. Na noite seguinte, ela ouve uma batida na parede. Supondo que ele é o seu vizinho do lado Hector, ela bate de volta e ele retorna. Quinn envia texto para Hector, que revela que ele não está em casa. Temendo que era outra pessoa ao lado, ela vai para a cama.
 
Estas ocorrências paranormais tornam-se mais frequentes, e toda vez, Sean a salva. O demônio se torna mais visível: um cadáver de uma vítima de queimadura com uma máscara de respiração, que emite um ruído. Em um ponto, o demônio traz Quinn até o apartamento no andar de cima, onde ela vê uma versão sem rosto, sem membros de si mesma. Sean corre até o apartamento e segue as pegadas de sangue para a janela quebrada. Um homem está deitado na calçada abaixo, como se ele tivesse cometido suicídio pulando para fora. Quando Quinn vai para observar a janela, o demônio agarra Quinn e tenta puxá-la sobre a borda. Sean salva-la, mas seu pescoço é ferido no processo. Sean contata Elise, que hesitante entra no reino espiritual (que ela chama de "O Distante"). Ela se encontra com medo e o espírito de Parker Crane / ''Bride in Black'' quase mata-la. Ela é trazida de volta à vida apavorada, e se recusa a continuar. Sean não tem escolha a não ser chamar outra pessoa, um par de blogueiros, a mando de seu filho: Specs e Tucker. Enquanto isso em um restaurante chinês, Elise procura consolo de seu amigo Carl, que compartilha seu "dom". Carl tranquiliza-la dizendo que ela é muito mais forte do que ela acredita, porque ela é um ser vivo.
 
==Ligações Externas==