Abrir menu principal

Alterações

227 bytes adicionados ,  00h09min de 18 de julho de 2015
[[Imagem:TreatyOfSevres (corrected).PNG|thumb|left|Mapa da partição do [[Império Otomano]] prevista no [[Tratado de Sèvres]] assinado em 1920]]
 
A ocupação de Istambul pelos Aliados e de Esrmina pelos gregos, com o apoio tácito dos restantes Aliados, despoletou a criação do [[Movimento Nacional Turco]], criado em 19 de maio de 1919 sob a liderança de Mustafa Kemal. O movimento opunha-se à divisão e ocupação do país e a sua [[fundação do Movimento Nacional Turco|fundação]] é geralmente apontada como o primeiro evento da [[Guerra de independência turca]], pois os turcos acreditavam que os europeus pretendiam transformar a Turquia em mais uma colônia européia, e estavam determinados a impedir isso como também impedir que outros países anexassem mais territórios da Turquia.<ref name=mango_atat /><ref name=enjoytr1 />
 
Desde o início de 1920, a situação no país ficou muito confusa, com o sultão e o seu governo em Istambul praticamente reféns dos ocupantes, parte do território ocupado por forças estrangeiras e outra parte controlada pelos nacionalistas, que fizeram de [[Ancara]] o seu quartel-general e onde se reuniu pela primeira vez a 23 de abril de 1920 a [[Grande Assembleia Nacional da Turquia]], o parlamento turco.<ref name=ahmad /> A 10 de outubro de 1920 o [[vizir]] [[Damat Ferid Paşa|Ferid Paşa]] assina o Tratado de Sèvres.<ref name=enjoytr1 />
Utilizador anónimo