Abrir menu principal

Alterações

31 bytes adicionados ,  20h51min de 18 de julho de 2015
[[Imagem:RoyalSocCOA20040420CopyrightKaihsuTai.jpg|right|200px|thumb|Brasão de armas da ''Royal Society'' em um vitral, com o lema ''Nullius in verba'']]
 
Entre os membros fundadores da ''Royal Society'', encontram-se [[Robert Boyle]], [[John Evelyn]], [[Robert Hooke]], [[William Petty]], [[John Wallis]], [[John Wilkins]], [[Thomas Willis]], [[Gottfried Wilhelm Leibniz]] e Sir [[Christopher Wren]]. [[Isaac Newton]] apresentou sua teoria da [[óptica]] diante desta assembleia. Mais tarde, tornar-se-ia seu presidente.
 
O lema ''Nullius in verba'' afirma a vontade de estabelecer a verdade no domínio dos fatos, baseando-se somente na experiência científica, e jamais na palavra de alguma autoridade. Apesar de esta intenção parecer óbvia hoje em dia, os fundamentos filosóficos da ''Royal Society'' diferem daqueles observados em outros contextos filosóficos, como, por exemplo, na [[Escolástica]], que estabelecia a verdade científica baseando-se na [[lógica]] [[dedução|dedutiva]], mantendo-se de acordo com os [[dogma]]s da [[religião]] [[Catolicismo|católica]] e citando autoridades antigas, como [[Aristóteles]].
1

edição